À la carte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

À la carte (IPA: ɑːləˈkɑrt) é um empréstimo linguístico da língua francesa cujo significado é «[o restaurante serve o referido prato apenas] como listado no cardápio».[1] O termo foi adotado em inglês em 1826, antecipando em uma década o uso comum da palavra «menu».

Usos[editar | editar código-fonte]

Gastronomia[editar | editar código-fonte]

O termo é utilizado em uma referência a um menu de itens observados e adquiridos separadamente, ou seja, a operação usual de restaurantes, em contraste com um table d'hôte (menu fixo), em que um menu sem opção ou com escolha limitada é servido a um preço fixo.

Outro uso gastronômico é ao pedir um item do menu por conta própria, por exemplo, um bife sem batatas e legumes é um bife à la carte.

Em outras indústrias[editar | editar código-fonte]

À la carte também foi adotado em outras indústrias para se referir a um modelo de vendas, onde os clientes podem selecionar componentes individuais para a compra em vez de serem obrigados a comprar pacotes pré-definidos. Um exemplo notável é o de Câmeras Leica «Leica à la carte» para os seus M-System.

Referências

  1. Editores do Aulete (2007). Verbete à la carte. Dicionário Caldas Aulete. Página visitada em 24 de março de 2014.