Ácido cacodílico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ácido cacodílico
Alerta sobre risco à saúde
Cacodylic-acid-3D-sticks.png Cacodylic-acid-tetrahedral.png
Nome IUPAC Dimethylarsinic acid
Outros nomes Dimethylarsenic acid, Cacodylic acid, Hydroxydimethylarsine oxide, Arsecodile, Ansar, Silvisar, Phytar 560, DMAA, UN 1572
Identificadores
Número CAS 75-60-5
PubChem 2513
Número EINECS 200-883-4
ChEBI 29839
Número RTECS CH7525000
SMILES
InChI InChI=1/C2H7AsO2/c1-3(2,4)5/h1-2H3,(H,4,5)
Propriedades
Fórmula molecular C2H7AsO2
Massa molar 137.9977 g/mol
Aparência White crystals or powder
Densidade > 1.1 g/cm3
Ponto de fusão

192 - 198 °C

Ponto de ebulição

> 200 °C

Solubilidade em água 667 g/l
Riscos associados
MSDS External MSDS
Classificação UE Predefinição:Hazchem T+
Frases R R26/27/28, R40
Compostos relacionados
Compostos relacionados Ácido arsênico
Ácido fenilarsônico
Ácido dimetilfosfínico
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Ácido Cacodílico é um composto químico de fórmula (CH3)2AsO2H. Derivados do ácido cacodílico, cacodilatos, são frequentemente usados como herbicidas. Por exemplo, o "Agent Blue," um dos compostos usados durante a Guerra do Vietnã, é uma mistura do ácido cacodílico com o cacodilato de sódio. O caodilato de sódio é frequentemente usado como um agente tamponador na preparação e fixação de amostras biológicas para o microscópio eletrônico.

Efeitos para a saúde[editar | editar código-fonte]

O ácido cacodílico é altamente tóxico para ingestão, inalação ou contacto com a pele. Uma vez pensado para ser um subproduto de desintoxicação por arsênio inorgânico, é creditado por provocar sérios problemas de saúde. É demonstrado que tem efeito teratogênico em roedores, frequentemente causando fenda palatal e lábio leporino, além de fatalidades em estágio fetal em altas doses. Demonstrou também ser genotóxico em células humanas, causando apoptose e diminuindo a produção de DNA e encurtando as cadeias de DNA. Enquanto que por si só não é um carcinogênico, o ácido cacodílico fomenta tumores na presença de carcinogenes em órgãos como os rins e o fígado.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Links externos[editar | editar código-fonte]