Ácido cloroso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Chlorous acid
Alerta sobre risco à saúde
Chlorous-acid-2D.png
Chlorous-acid-3D-vdW.png
Nome IUPAC Ácido cloroso
Propriedades
Fórmula molecular HClO2
Massa molar 68.46 g/mol
Acidez (pKa) 1.96
Compostos relacionados
Oxiácidos de cloro relacionados Ácido hipocloroso
Ácido clórico
Ácido perclórico
Compostos relacionados Ácido bromoso (hipotético)
Ácido sulfuroso
Clorito de sódio
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Ácido cloroso é um composto químico. É um ácido fraco de fórmula HClO2. O ácido como substância pura é instável, mas seus sais, os cloritos (como o clorito de sódio) são bases conjugadas derivadas deste ácido. Estes sais são usados na produção de dióxido de cloro.

Obtenção[editar | editar código-fonte]

É obtido (embora não em escala industrial) a partir de clorito de bário e ácido sulfúrico diluído:

Ba(ClO2)2 + H2SO4 → BaSO4 + 2 HClO2

O ácido cloroso pode ser gerado partindo-se de um sal clorito ou cloreto precursor, ou ainda de uma combinação de ambos por [[troca iônica]].[1]

Usos[editar | editar código-fonte]

Pode ser utilizado para a remoção de dióxido de enxofre de gases de combustão pela injeção conjuntamente com um sal de um hidroxiácido orgânico tal como o ácido lático, o ácido cítrico, o ácido málico, o ácido tartárico, o ácido glicólico, o ácido oxálico e o ácido mandélico.[2]

Referências[editar | editar código-fonte]

Conteúdo relacionado com Chlorous acid no Wikimedia Commons