Ácido fítico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ácido fítico
Alerta sobre risco à saúde
Phytic acid.png
Nome IUPAC (1r,2R,3S,4s,5R,6S)-cyclohexane-1,2,3,4,5,6-hexayl hexakis[dihydrogen (phosphate)]
Identificadores
Número CAS 83-86-3
PubChem 890
SMILES
Propriedades
Fórmula química C6H18O24P6
Massa molar 659.91 g mol-1
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

O Ácido fítico (também conhecido como fitato, quando em forma de sal) é uma forma utilizada pelas plantas para armazenamento de fósforo.[1] No entanto, não é uma fonte de fósforo nem nos humanos nem nos animais não ruminantes.

O ácido fítico é um forte quelante de minerais essenciais como o cálcio, magnésio, ferro e zinco e portanto pode contribuir para deficiência destes minerais em pessoas cuja dieta dependa de alimentos ricos em ácido fítico como fonte nutricional , como pessoas de países em desenvolvimento e os vegetarianos(especialmente de proteína no caso dos vegetarianos).[2]

Desta forma o mesmo é um anti-nutriente.[1] Para pessoas que já possuam um baixo consumo de minerais essenciais, seus efeitos podem ser indesejáveis.

Fontes alimentares[editar | editar código-fonte]

O ácido fítico é encontrado principalmente na casca de castanhas, sementes e grãos.[1] No entanto em alguns alimentos como o milho não há tal concentração do ácido fítico na casca, estando razoavelmente uniforme em todo o grão.

Desta forma, em geral, a versão integral (rica em fibras insolúveis) destes alimentos tende a conter um teor maior de ácido fítico.

Embora a influência do ácido fítico em determinado mineral possa ser contrabalanceada pelo maior teor deste mesmo mineral no alimento integral, e portanto cada um deve ser avaliada individualmente. No geral o acréscimo deste tipo de fibras, apenas com intuito de facilitar o trânsito intestinal em quem tenha deficiência destes minerais deve ser preterido em relação à outras formas de tratatamento da constipação intestinal, como a ingestão de líquidos.

Fontes alimentares de fitato[3]
Alimento Fitato [% mínimo seco] Fitato [% máximo seco]
Tofu 1,46 2,90
Linhaça 2,15 2,78
Farelo de aveia 0,89 2,40
Farinha de soja 1,24 2,25
Soja 1,00 2,22
Milho 0,75 2,22
Amendoim 1,05 1,76
Feijão 0,89 1,57
Centeio 0,54 1,46
Fibra de aveia 0,60 1,42
Farinha de trigo 0,25 1,37
Trigo 0,39 1,35
Grão de bico 0,28 1,26
Aveia 0,42 1,16
Cevada 0,38 1,16
Pão integral 0,43 1,05
Arroz polido 0,14 0,60

Referências

  1. a b c [1]
  2. Influence of vegetable protein sources on trace el...[J Nutr. 2003] - PubMed Result
  3. REDDY, N. R. and SATHE, S. K. (2002). Food Phytates. Boca Raton, CRC Press.