Álvaro Gomes da Rocha Azevedo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Álvaro Gomes da Rocha Azevedo
Nascimento 26 de janeiro de 1864
Campanha
Morte 30 de outubro de 1942 (78 anos)
São Paulo
Nacionalidade  Brasileiro
Progenitores Mãe: Inácia Júlia Midões Ribeiro de Resende
Pai: João Fernandes Gomes da Rocha e de Azevedo Vilas Boas e Antas da Silva Soares
Ocupação Político

Álvaro Gomes da Rocha Azevedo (Campanha, 26 de janeiro de 1864São Paulo, 30 de outubro de 1942) foi um advogado e político brasileiro.

Veio para São Paulo com 14 anos, onde formou-se como advogado no Largo São Francisco em dezembro de 1888.[1] [2] Republicano desde sempre, comemorou o advento do regime em Mococa, onde advogava nessa época. Na comarca de Mococa, foi intendente, Juiz Municipal, de Órfãos e de Direito. Também foi Juiz Substituto em Jundiaí, Juiz de Direito em Caconde e em 1893 veio para a capital. Foi vereador nas legislaturas de 1905, 1908, 1914, 1917 e 1920, sendo Vice-Presidente da Câmara Municipal de São Paulo nas últimas legislaturas.[2]

Foi prefeito de São Paulo após Washington Luís renunciar ao cargo para se candidatar à presidência do estado de 16 de agosto de 1919 a 15 de janeiro de 1920. De 1928 a 1930, foi presidente do Tribunal de Contas da União.[2]

Colaborou na imprensa em vários jornais como "Revolução" e "Conspiração". Recebeu as honras de Comendador da Ordem de Leopoldo, da Bélgica, e a da Ordem do Sol Nascente, do Japão.[2]

Referências

  1. Antigos Alunos p. 76. ARCADAS (Associação dos Antigos Alunos da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo).
  2. a b c d Edição Histórica - Revista nº123 (em .pdf) 126 pp. Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (2009). Visitado em 11 de maio de 2014.
Precedido por
Washington Luís
Prefeito de São Paulo
19191920
Sucedido por
Firmiano de Morais Pinto
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.