'N Sync

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde julho de 2013)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
'N Sync
Informação geral
Origem Orlando, Flórida
País  Estados Unidos
Gênero(s) Pop, teen pop, dance pop, pop rock, R&B
Período em atividade 1995 - 2002
2013
Gravadora(s) RCA Records, Sony Music, Jive Records
Afiliação(ões) Britney Spears, Madonna, Christina Aguilera
Página oficial www.NSYNC-World.com
Ex-integrantes Justin Timberlake
JC Chasez
Lance Bass
Joey Fatone
Chris Kirkpatrick

'N Sync (às vezes estilizado como *NSYNC) foi uma boy band estadunidense de música pop. Os seus membros eram Lance Bass, JC Chasez, Joey Fatone, Chris Kirkpatrick e Justin Timberlake.[1]

O grupo vendeu 50 milhões de discos pelo mundo. Formado na Flórida, e lançado na Alemanha pela Sony BMG, o grupo era integrado por Justin Timberlake, JC Chasez, Lance Bass, Joey Fatone e Chris Kirkpatrick. Depois de uma grande batalha contra seu empresário e a gravadora, o 'N Sync lançou o álbum No Strings Attached. O grupo cantou com grandes artistas como Elton John, Mandy Moore, Aerosmith, Mary J. Blige, Britney Spears, Nelly, Michael Jackson, Jackson 5, Stevie Wonder, Céline Dion e Gloria Stefan. O grupo também participou de um episódio de Os Simpsons , que foi ao ar no dia 25 de Fevereiro de 2001. É considerada, por muitos, a maior boyband de todos os tempos.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Formação do grupo e álbum de estréia[editar | editar código-fonte]

Depois de vê-lo cantar em um grupo de hip hop, Lou Pearlman disse à Chris sobre a formação de um grupo musical. Lou disse à Chris que iria financiar o grupo se ele conseguisse encontrar outros cantores. Isso fez Chris chamar Joey, um amigo que conheceu quando trabalhava na Universal Music. Lou, viu o programa Clube do Mickey, e o talento de Justin o agradou. Justin logo que entrou no grupo disse que JC seria perfeito para vocalista principal. Depois, eles saíram à procura de mais um membro. Inicialmente o quinto integrante seria Jason Galasso. Depois de vários ensaios e quando o grupo estava prestes a assinar contrato com a gravadora, Jason desistiu. Ele disse que não gostava do estilo de músicas do grupo e ser famoso nunca foi seu sonho. Depois disso, o professor de Justin, indicou um garoto de 16 anos, chamado Lansten. Lance fez o teste e foi imediatamente aceito no grupo.

O nome do grupo é formado pelas últimas letras dos nomes de seus integrantes: JustiN, ChriS, JoeY, LansteN e JC. De lá, os garotos foram enviados à Suécia, para trabalharem no primeiro álbum. O primeiro single, "I Want You Back" ficou em décimo lugar das mais pedidas. Depois do lançamento do álbum, o grupo inicou uma turnê pela Alemanha e Europa. O álbum *NSYNC, foi lançado em 26 de Maio de 1997 e ficou no topo da parada dos mais vendidos.

Quebrando o mercado americano e batalhas na justiça[editar | editar código-fonte]

O grupo lançou seu segundo single "Tearin' Up My Heart" em abril daquele ano. A música era número um nas rádias e o vídeoclipe número um da MTV. Eles abriram a turnê da cantora Janet Jackson. No final da turnê, o grupo ganhou disco de diamante pelas vendas do álbum que chegou a 10 milhões de cópias.

O grupo passou a ser parte do elenco da série Sabrina Aprendiz de Feiticeira em 5 de Fevereiro de 1999. O 'N Sync também fazia parte do elenco do desenho Pokémon. O terceiro single, "God Must Spent a Little More Time on You" ficou na décima posição e o quarto single, "I Drive Myself Crazy" também. Em Setembro de 1999, o grupo trabalhou com Gloria Stefan, na música "Music Of My Heart" que foi segundo lugar entre as mais pedidas.

Em 1998, o 'N Sync entrou com um processo judicial contra Lou, o acusando de abuso sexual. Depois disso, o grupo assinou contrato com a gravadora Jive Records.

O sucesso de No String Attached[editar | editar código-fonte]

Com os problemas vencidos, 'N Sync começou a trabalhar nas músicas de seu segundo álbum. Em Janeiro de 2000, o grupo lançou a música "Bye, Bye, Bye" que ficou em primeiro lugar das mais pedidas.

O álbum No String Attached foi lançado no dia 21 de Março de 2000. Ele vendeu 10 milhões de cópias. No String Attached ainda é o álbum mais vendido da década. Seu segundo single "It's Gonna Be Me" estreou no topo das paradas. E o terceiro single "This I Promise You" entrou no quinto lugar. No mesmo ano, o grupo lançou o DVD Making The Tour.

O último álbum[editar | editar código-fonte]

Em 2001 o grupo grava seu terceiro álbum de estúdio, Celebrity. Canções como "Gone", "Girlfriend", "Pop" e "Selfish" garantem o sucesso do grupo. Neste álbum ficou mais visível que o grupo estava cantando em função de Justin Timberlake.

Em abril de 2002, após a turnê do álbum Celebrity, Pop Oddysey Tour; eles decidiram entrar em hiato. Eles originalmente tiveram a intenção de gravar um álbum em setembro daquele ano, mas decidiram dar um tempo por causa de Timberlake, que pretendia seguir carreira solo.

O site oficial do grupo foi desativado em 2006 e em 2007, Lance Bass anunciou que o grupo não voltaria.

Em março de 2010, o site foi ativado por fãs com os links das páginas sociais dos ex-integrantes.

MTV Video Music Awards 2013[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2013, rumores de uma possível reunião da banda no MTV Video Music Awards começaram a circular na internet, jornais e tvs de todo o mundo, deixando os fãs da banda em desespero. Uma conta oficial para o grupo foi criada no Twitter, reforçando ainda mais o que estava por vir. Os rumores se confirmaram durante a apresentação de Justin Timberlake na noite de 25 de Agosto de 2013, onde o mesmo apresentou um medley com seus maiores sucessos em carreira solo e alguns hits do grupo, como "Gone", "Girlfriend" e "Bye Bye Bye", com a participação de seus companheiros de grupo. Foi um momento épico no Video Music Awards, após quase 12 anos de hiato do grupo.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Outros Álbuns[editar | editar código-fonte]

  • 1998: Home for Christmas
  • 1998: The Winter Album
  • 2005: Greatest Hits
  • 2010: The Collection
  • 2014: The essential Nsync

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "I Want You Back"
  • "Tearin' Up My Heart"
  • "Here We Go" (single europeu)
  • "Together Again" (single europeu)
  • "For The Girl Who Has Everything" (single europeu)
  • "U Drive Me Crazy"
  • "(God Must Have Spent) A Little More Time on You"
  • "Merry Christmas, Happy Holidays"
  • "I Drive Myself Crazy"
  • "Music of My Heart" (feat. Gloria Stefan)
  • "Bye Bye Bye"
  • "It's Gonna Be Me"
  • "I'll Never Stop"
  • "This I Promise You"
  • "I Believe In You" (feat. Joe)
  • "Pop"
  • "Gone"
  • "Girlfriend"

Outras canções[editar | editar código-fonte]

  • "The Lion Sleeps Tonight" (lado b de "For the Girl Who Has Everything")
  • "Somewhere, Someday" (da trilha sonora de Pokemon: The First Movie, 1999)
  • "You Don't Have to be Alone" (da trilha sonora de How the Grinch Stole Christmas, 2000)
  • "Falling" (da trilha sonora de On the Line - Na Linha do Trem, 2001)
  • "That Girl (Will Never Be Mine)" (do álbum Celebrity e também da trilha sonora de On the Line - Na Linha do Trem)
  • "When You Wish Upon a Star" (da coletânea Disney Mania, 2002)

Turnês[editar | editar código-fonte]

  • For the Girl Tour (1997) (também conhecido como "I Want You Back Tour")
  • 'N Sync in Concert (1998-2000) (também conhecido como "Second II None Tour" em 1998, "Ain't No Stoppin' Us Now Tour", "Boys of Summer Tour" e "The Winter Shows" em 1999)
  • No Strings Attached Tour (2000-01)
  • PopOdyssey Tour (2001-02) (também conhecido como "Celebrity Tour" em 2002)
As supporting act

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of the United States.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical dos Estados Unidos, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.