107º Congresso dos Estados Unidos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
107º Congresso dos Estados Unidos
USCapitol.jpg
Capitólio dos Estados Unidos (2002)


Presidente do Senado: Al Gore (D)[1]
Presidente Pro Tempore do Senado: Robert Byrd (D)
Strom Thurmond (R)[2]
Presidente da Câmara dos Representantes: Dennis Hastert (R)
Líder da maioria no senado: Partido Republicano
Líder da maioria na câmara: (Partido Democrata)
Partido Republicano

O 107º Congresso dos Estados Unidos é composto da Câmara dos Representantes e do Senado. Tanto os senadores quanto os representante são todos eleitos por votação direta, com última eleição realizada em 2000, o 107º Congresso teve duração entre 3 de janeiro de 2001 a 3 de janeiro de 2003.

Senado[editar | editar código-fonte]

107senate.svg
Partido Senadores Notas
Partido Republicano 50
Partido Democrata 50
Independente 1 Senador independente democrata
Total 100

Senadores[editar | editar código-fonte]

Câmara[editar | editar código-fonte]

Partido Membros  % Representantes sem direito a voto Notas
Partido Republicano 221 51,5 % 1
Partido Democrata 211 48,5 % 4
Independente 1 - Representante independente democrata
Lugares vagos 0 0 % -
Total 435 5

Principais representantes[editar | editar código-fonte]

107 us house membership.png

Referências

  1. Al Gore foi vice-presidente até 2001, depois Dick Cheney o sucedeu
  2. Quando o Congresso começou, o Senado era dividido entre 50 senadores democratas e 50 republicano. O voto de desempate era do vice-presidente, que até 20 de janeiro era controlado pelos democrata, o Senado elegeu Robert Byrd que ocupou o cargo até 20 de janeiro e Strom Thurmond sucedeu Byrd. O controle republicano mudou novamente em 6 de junho de 2001, quando Jim Jeffords deixou o Partido Republicano e Byrd foi novamente eleito como presidente pro tempore

Ligações externas[editar | editar código-fonte]