110 metros com barreiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de 110 m c/ barreiras)
Ir para: navegação, pesquisa
110 metros barreiras
Osaka07 D8M M110MH Decathlon Scene.jpg
Olímpico desde: 1896
Desporto: Atletismo
Praticado por: Homens
Record mundial
Aries Merritt  Estados Unidos
12.80s[1]
2012, Bruxelas
Campeão Olímpico
Londres 2012
Aries Merritt  Estados Unidos
Campeão do Mundo
Daegu, 2011
Jason Richardson  Estados Unidos


110 metros com barreiras é uma modalidade olímpica de atletismo que consiste na disputa de uma corrida nessa distância com a presença de vários obstáculos ao longo do percurso. A prova é disputada apenas por homens e o seu equivalente feminino são os 100 metros com barreiras. Esta prova também faz parte do decatlo.


Os mais rápidos a fazê-la rondam os 13 segundos. O recorde mundial pertence atualmente a Aries Merritt, com 12,80 segundos, conseguidos no "meeting" de Bruxelas, da 14.ª e última etapa da Liga de Diamante de atletismo, em Bruxelas, na Bélgica, no dia 7 de setembro de 2012.

Regras[editar | editar código-fonte]

O percurso de 110 metros é disputado numa linha reta e contém 10 barreiras com 106,7 cm de altura. Os obstáculos são desenhados de forma a caírem para a frente, para não provocarem lesões se derrubados pelo atleta. A primeira barreira é colocada a 13,72 m (15 jardas) da linha de partida. As restantes 9 são dispostas em intervalos de 9,14 m (10 jardas). O percurso final até a linha de chegada é livre de barreiras e mede 14,1 metros.

Um atleta não é desqualificado ao derrubar as barreiras, a menos que seja julgado pela arbitragem da prova que o fez de propósito.

História[editar | editar código-fonte]

As primeiras referências modernas sobre este tipo de provas vêm da Inglaterra em 1837. A distância era de 100 jardas (91,4 m), com 10 obstáculos fixos no solo, com altura de 3,5 pés (1,067m), altura das cercas utilizadas na criação de ovinos. A primeira tentativa de uniformização do estilo e dimensões das barreiras, e distância do percurso, surgiram em 1864, nos campeonatos da Universidade de Oxford, com as medidas que até hoje permanecem para a prova (13,72 metros até a primeira, 10 barreiras espaçadas de 9,14 metros, altura de 1,067 metros). O design atual das barreiras, em forma de "L", surgiu em 1935. Foi também neste ano que se aboliu a regra da desqualificação, no caso da corrida implicar mais de três barreiras derrubadas. Até 1935, um recorde mundial não era ratificado se uma ou mais barreiras fossem derrubadas na corrida.

O estilo de corrida atual, com três passadas entre barreiras, foi introduzido por Alvin Kraenzlein, o campeão olímpico dos Jogos de 1900.

A prova esteve presente em todas as edições dos Jogos Olímpicos da era moderna. O primeiro campeão olímpico foi o estadunidense Thomas Curtis. Em 1900 e 1904 houve também uma prova de 200 metros.

Os melhores 10 tempos da história (incluído apenas o melhor resultado de cada atleta)[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 7 de janeiro de 2013

Tempo Atleta Nacionalidade Local Data
1 12.80 (0.3) Aries Merritt  Estados Unidos Bruxelas 7 de setembro de 2012
2 12.87 (0.9) Dayron Robles  Cuba Ostrava 12 de junho de 2008
3 12.88 (1.1) Liu Xiang  China Lausanne 11 de Julho de 2006
4 12.89 (0.5) David Oliver  Estados Unidos Paris 16 de Julho de 2010
5 12.90 (1.1) Dominique Arnold  Estados Unidos Lausanne 11 de Julho de 2006
6 12.91 (0.5) Colin Jackson  Reino Unido Estugarda 20 de Agosto de 1993
7 12.92 (-0.1) Roger Kingdom  Estados Unidos Zurique 16 de Agosto de 1989
7 12.92 (0.9) Allen Johnson  Estados Unidos Atlanta 23 de Junho de 1996
9 12.93 (-0.2) Renaldo Nehemiah  Estados Unidos Zurique 19 de Agosto de 1981
10 12.94 (1.6) Jack Pierce  Estados Unidos Atlanta 22 de Junho de 1996

Entre parênteses: Vento em m/s

A = Marca atingida a elevada altitude

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]