14 Irene

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Irene é um asteroide de grandes dimensões da cintura de asteroides, descoberto a 19 de maio de 1851 pelo astrônomo britânico John Russell Hind, em Londres. Contém ferro e níquel.

Por sugestão de John Herschel[1] , foi nomeado em honra a Irene, deusa grega que personificava a paz, uma das Horas, filha de Júpiter e Themis.

Sobre o nome, John Russell Hind, escreveu

  • "Você vai achar que este nome é [...] em relação a este evento (a Grande Exposição Industrial realizada no Crystal Palace (Palácio de Cristal) no Hyde Park, Londres, de 01 de maio até 18 de outubro de 1851) que preenche a nossa cidade [Londres] o talento de todas as nações civilizadas, o espírito de paz, produção de Arte e Ciência, todas essas coisas para que a humanidade está em causa."

Os primeiros asteróides descobertos têm um símbolo astronômico e de Irene é uma pomba carregando um ramo de oliveira, com uma estrela na cabeça.[2] Nunca foi traçado [3]

Sua curva de luz mostra um objeto plano esférico. Havia quatro ocultações estelares por Irene.

Referências

  1. Schmadel, Lutz D.. Dictionary of minor planet names, Volume 1. 5th. ed. Berlin Heidelberg New York: Springer-Verlag, 2003. 16 pp. ISBN 3-540-00238-3.
  2. Hind, John Russell. (1852). "From a Letter of Mr. Hind to the Editor". Astron. J. 2: 22–23. DOI:10.1086/100162. Bibcode1851AJ......2...22H.
  3. When did the asteroids become minor planets?

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


12 Victória | 13 Egéria | 14 Irene | 15 Eunomia | 16 Psíque
Ícone de esboço Este artigo sobre asteroides é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.