2013 NBA Draft

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
2013 NBA Draft
NBA Draft 2013.jpg
Informações Gerais
Data 27 de Junho, 2013
Horário 7:00 pm (EDT)
Local Barclays Center
em Brooklyn, New York
Transmissão ESPN
Primeira Escolha Anthony Bennett, Cleveland Cavaliers
NBA Draft
2012 2014 >

O 2013 NBA Draft foi realizado no dia 27 de Junho de 2013, no Barclays Center em Brooklyn, New York. O draft começou às 7:00 pm Eastern Daylight Time (23:00 UTC), e será transmitido nos Estados Unidos pela ESPN. Neste draft, os times da National Basketball Association (NBA) selecionarão novatos da universidade nos Estados Unidos e outros jogadores elegíveis, incluindo jogadores internacionais. Esse draft marcará a primeira aparição do time de New Orleans tendo o nome de Pelicans, depois de participarem como New Orleans Hornets pelos últimos 5 anos.

Regras para Eligibilidade[editar | editar código-fonte]

Anthony Bennett foi o primeiro Canadense a ser selecionado em 1º no draft. Ele foi selecionado pelo Cleveland Cavaliers.

O draft foi conduzido dentro das regras estabelecidas na agora-expirada collective bargaining agreement (CBA) com a união de jogadores. A CBA que terminou o lockout de 2011 na NBA instituiu mudanças imediatas para o draft, mas chamou um comitê de donos de franquias e jogadores para discutir mudanças futuras.[1] Como em 2012, as regras do draft estão listadas abaixo.

  • Todos os jogadores draftados devem ter ao menos 19 anos durante o ano do draft. Em termos de datas, todos os jogadores elegíveis para o draft de 2013 devem ter nascido depois de 31 de Dezembro de 1994.[2]
  • Qualquer jogador que não seja considerado um "jogador internacional", como definido na CBA, deve ter ao menos um ano concluído na uniersidade.[2] A CBA define como "jogadores internacionais" jogadores que residiram permanentemente fora dos Estados Unidos até no mínimo 3 anos antes do draft, que não completaram o colegial nos Estados Unidos e nunca foram matriculados em faculdades no país. [3]

O requerimento básico para elegibilidade automática para um jogador americano é completar a faculdade. [4] Jogadores que condizem com a definiçãoda CBA para "jogador internacional" são elegíveis automaticamente em seu 22º aniversário, que ocorra durante o ano em que acontece o draft (no caso, nascidos após 31 de Dezembro de 1990).[5] Jogadores americanos que completaram ao menos um ano do colegial e jogaram em ligas menores, fora da NBA, também são elegíveis automaticamente.

Um jogador que não é elegível para o draft deve declarar sua elegibilidade notificando os escritórios da NBA até 60 dias antes do draft.[6] [7] Para o draft de 2013, essa data expirou em 28 de Abril. Dentro das regras da NCAA, os jogadores só tiveram até 16 de Abril para se retirarem do draft e manterem a elegibilidade da faculdade.[8]

Um jogador contratado como empresário esportivo não será mais elegível para o colegial, apesar de poder ser draftado. Também, enquanto a CBA permite que o jogador se retire do draft 2 vezes, a NCAA retira a elegibilidade de quem se declarou duas vezes.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Participantes iniciais[editar | editar código-fonte]

Universitários não-formados[editar | editar código-fonte]

Os 48 jogadores seguintes se declararam para o draft.[9] [10] Todos os jogadores são estadunidenses, exceto onde indicado.

Jogadores internacionais[editar | editar código-fonte]

Esses 18 jogadores com 18 à 22 anos se declararam para o draft.[11]

Candidatos elegíveis automaticamente[editar | editar código-fonte]

Essa lista deve incluir apenas jogadores que se qualificam para elegibilidade automática, que chegaram aos 22 anos caso sejam considerados "jogadores intercionais" de acordo com as regras da CBA ou completaram os quatro anos de sua universidade caso não sejam "internacionais". A assinatura de um contrato com um time de basquetebol profissional em uma liga que não seja a NBA, sendo um contrato de prestação de serviços tornará o jogador elegível automaticamente. O critério para essa situação depende se o jogador é ou não "internacional":

  • Para jogadores "internacionais", ele se torna elegível assinando um contrato fora da NBA dentro dos Estados Unidos.
  • Para jogadores não-internacionais, ele se torna elegível assinando um contrato fora da NBA dentro de qualquer país.

Cidadania não é um critério para determinar se um jogador é ou não internacional de acordo com a CBA. Como o critério já foi discutido em outro local deste artigo, ele vai ser repetido para mostrá-lo em outro contexto. Para um jogador ser "internacional", de acordo com a CBA, ele deve possuir todas essas características:

  • Residir fora dos Estados Unidos à pelo menos três anos ao horário do draft.
  • Não completou elegibilidade de basquetebol em um colégio nos Estados Unidos
  • Nunca estudou em uma universidade nos Estados Unidos.

Esses jogadores também são elegíveis para seleção no 2013 NBA Draft:

(Todos os jogadores são dos Estados Unidos, exceto onde indicado)

Loteria do Draft[editar | editar código-fonte]

As primeiras 14 escolhados do draft pertencem aos times que não participaram dos playoffs; a ordem foi determinada por uma loteria. A loteria determina os três times que terão as três primeiras escolhas no draft. As outras escolhas de primeiro e segundo rounds são designadas aos times em ordem reversa à seu record de vitória-derrota na temporada anterior.

A loteria deste draft aconteceu no dia 21 de Maio de 2013, os Cleveland Cavaliers ganharam o direito da primeira escolha do draft, com uma chance de 15,6% de ganhá-la. O Orlando Magic, que teve o pior recorde e a maior chance de ganhar a loteria, ganhou a segunda escolha do draft.[12]

Aqui estão as chances que cada time tinha de ganhar uma escolha específica na loteria de 2013 do draft.

^ Indica o resultado da loteria
Time 2012-13
record
Chances
na Loteria
Escolha
1st 2nd 3rd 4th 5th 6th 7th 8th 9th 10th 11th 12th 13th 14th
Orlando Magic 20–62 250 .250 .215^ .178 .358
Charlotte Bobcats 21–61 199 .199 .188 .171 .319^ .123
Cleveland Cavaliers 24–58 156 .156^ .157 .156 .226 .265 .040
Phoenix Suns 25–57 119 .119 .126 .133 .099 .351^ .161 .013
New Orleans Pelicans 27–55 88 .088 .097 .107 .262 .360^ .161 .012
Sacramento Kings 28–54 63 .063 .071 .081 .440 .304^ .040 .001
Detroit Pistons 29–53 36 .036 .042 .049 .599 .253^ .021 .000
Washington Wizards 29–53 35 .035 .041 .048^ .703 .165 .008 .000
Minnesota Timberwolves 31–51 17 .017 .020 .024 .813^ .122 .004 .000
Portland Trail Blazers 33–49 11 .011 .013 .016 .870^ .089 .002 .000
Philadelphia 76ers 34–48 8 .008 .010 .012 .907^ .063 .001 .000
Toronto Raptors1[›] 34–48 7 .007 .008 .010 .935^ .039 .000
Dallas Mavericks 41–41 6 .006 .007 .009 .960^ .018
Utah Jazz 43–39 5 .005 .006 .007 .982^

^ 1: A escolha do Toronto Raptors foi transferida ao Oklahoma City Thunder.[13]

Participantes convidados[editar | editar código-fonte]

A NBA anualmente convida 10-15 jogadores para sentar na conhecida "sala verde", uma sala especial ao lado do local do draft para os jogadores convidados, junto de suas famílias e empresários. Nesta temporada, os seguintes jogadores foram convidados (listados automaticamente).[14] Todos os jogadores representam os Estados Unidos da América, exceto onde indicado.

Draft[editar | editar código-fonte]


Steven Adams se tornou o primeiro Neozeolandês a ser selecionado no primeiro round
PG Armador SG Ala-armador SF Ala PF Ala-pivô C Pivô
^ Indica um jogador que foi introduzido ao Naismith Memorial Basketball Hall of Fame
* Indica um jogador que foi selecionado para pelo menos um All-Star Game e um All-NBA Team
+ Indica um jogador que foi selecionado para um ou mais All-Star Game(s)
x Indica um jogador que foi selecionado para um ou mais All-NBA Team(s)
# Indica um jogador que nunca jogou na NBA
Round Escolha Jogador Posição Nacionalidade Time Universidade/clube anterior
1 1 Anthony Bennett PF  Canadá Cleveland Cavaliers UNLV (Fr.)
1 2 Victor Oladipo SG  Estados Unidos Orlando Magic Indiana (Jr.)
1 3 Otto Porter SF  Estados Unidos Washington Wizards Georgetown (So.)
1 4 Cody Zeller PF  Estados Unidos Charlotte Bobcats Indiana (So.)
1 5 Alex Len C  Ucrânia Phoenix Suns Maryland (So.)
1 6 Nerlens Noel C  Estados Unidos New Orleans Pelicans (negociado para Philadelphia)[T 1] Kentucky (Fr.)
1 7 Ben McLemore SG  Estados Unidos Sacramento Kings Kansas (Fr.)
1 8 Kentavious Caldwell-Pope SG  Estados Unidos Detroit Pistons Georgia (So.)
1 9 Trey Burke PG  Estados Unidos Minnesota Timberwolves (negociado para Utah)[T 2] Michigan (So.)
1 10 C. J. McCollum SG  Estados Unidos Portland Trail Blazers Lehigh (Sr.)
1 11 Michael Carter-Williams SG  Estados Unidos Philadelphia 76ers Syracuse (So.)
1 12 Steven Adams C  Nova Zelândia Oklahoma City Thunder (de Toronto via Houston)[t 1] Pittsburgh (Fr.)
1 13 Kelly Olynyk C  Canadá Dallas Mavericks (negociado para Boston)[T 3] Gonzaga (Jr.)
1 14 Shabazz Muhammad SG  Estados Unidos Utah Jazz (negociado para Minnesota)[T 2] UCLA (Fr.)
1 15 Giannis Antetokounmpo SF  Grécia Milwaukee Bucks Filathlitikos (Grécia)
1 16 Lucas Nogueira C  Brasil Boston Celtics (negociado para Atlanta via Dallas)[T 3] [T 4] Estudiantes (Espanha)
1 17 Dennis Schröder PG  Alemanha Atlanta Hawks Phantoms Braunschweig (Alemanha)
1 18 Larkin, ShaneShane Larkin PG  Estados Unidos Atlanta Hawks (de Houston via Brooklyn[t 2] , negociado para Dallas)[T 4] Miami (FL) (So.)
1 19 Sergey Karasev SG  Rússia Cleveland Cavaliers (de LA Lakers)[t 3] Triumph Lyubertsy (Rússia)
1 20 Tony Snell SF  Estados Unidos Chicago Bulls New Mexico (Jr.)
1 21 Gorgui Dieng C Senegal Utah Jazz (de Golden State via Brooklyn,[t 4] negociado para Minnesota)[T 2] Louisville (Jr.)
1 22 Mason Plumlee C  Estados Unidos Brooklyn Nets Duke (Sr.)
1 23 Solomon Hill SF  Estados Unidos Indiana Pacers Arizona (Sr.)
1 24 Tim Hardaway, Jr. SG  Estados Unidos New York Knicks Michigan (Jr.)
1 25 Reggie Bullock SG  Estados Unidos Los Angeles Clippers North Carolina (Jr.)
1 26 André Roberson PF  Estados Unidos Minnesota Timberwolves (de Memphis via Houston[t 5] , negociado para Oklahoma City)[T 5] Colorado (Jr.)
1 27 Rudy Gobert C  França Denver Nuggets (negociado para Utah)[T 6] Cholet Basket (França)
1 28 Livio Jean-Charles SF  França San Antonio Spurs ASVEL Basket (França)
1 29 Archie Goodwin SG  Estados Unidos Oklahoma City Thunder (negociado para Phoenix via Golden State)[T 5] [T 7] Kentucky (Fr.)
1 30 Nemanja Nedović PG  Sérvia Phoenix Suns (de Miami via Cleveland e LA Lakers[t 3] , [t 6] negociado para Golden State)[T 7] Lietuvos Rytas Vilnius (Lituânia)
2 31 Allen Crabbe SG  Estados Unidos Cleveland Cavaliers (de Orlando, negociado para Portland) California (Jr.)
2 32 Álex Abrines SG Flag of Spain.svg Espanha Oklahoma City Thunder (de Charlotte via Oklahoma City, Boston e Houston)[t 1] FC Barcelona (Espanha)
2 33 Carrick Felix SG  Estados Unidos Cleveland Cavaliers Arizona State (Sr.)
2 34 Isaiah Canaan PG  Estados Unidos Houston Rockets (de Phoenix) Murray State (Sr.)
2 35 Glen Rice, Jr. SG  Estados Unidos Philadelphia 76ers (de New Orleans, negociado para Washington) Rio Grande Valley Vipers (NBDL)
2 36 Ray McCallum, Jr. PG  Estados Unidos Sacramento Kings Detroit (Jr.)
2 37 Tony Mitchell PF  Estados Unidos Detroit Pistons North Texas (So.)
2 38 Nate Wolters PG  Estados Unidos Washington Wizards (negociado para New Orleans) South Dakota State (Sr.)
2 39 Jeff Withey C  Estados Unidos Portland Trail Blazers (de Minnesota via Cleveland e Boston) Kansas (Sr.)
2 40 Grant Jerrett PF  Estados Unidos Portland Trail Blazers Arizona (Fr.)
2 41 Jamaal Franklin SG  Estados Unidos Memphis Grizzlies (de Toronto via Dallas e Toronto) San Diego State (Jr.)
2 42 Pierre Jackson PG  Estados Unidos Philadelphia 76ers Baylor (Sr.)
2 43 Ricky Ledo SG  Estados Unidos Milwaukee Bucks Providence (Fr.)
2 44 Mike Muscala C  Estados Unidos Dallas Mavericks (negociado para Atlanta) Bucknell (Sr.)
2 45 Todorović, MarkoMarko Todorović C  Montenegro Portland Trail Blazers (de Boston) FC Barcelona (Espanha)
2 46 Erick Green PG  Estados Unidos Utah Jazz Virginia Tech (Sr.)
2 47 Raul Togni Neto PG  Brasil Atlanta Hawks Lagun Aro GBC (Espanha)
2 48 Ryan Kelly C  Estados Unidos Los Angeles Lakers Duke (Sr.)
2 49 Erik Murphy PF  Estados Unidos Chicago Bulls Florida (Sr.)
2 50 James Ennis SF  Estados Unidos Atlanta Hawks Long Beach State (Sr.)
2 51 Romero Osby PF  Estados Unidos Orlando Magic (de Golden State via New York e Denver) Oklahoma (Sr.)
2 52 Lorenzo Brown PG  Estados Unidos Minnesota Timberwolves (de Brooklyn via Minnesota e New Orleans) N.C. State (Jr.)
2 53 Colton Iverson C  Estados Unidos Indiana Pacers (negociado para Boston) Colorado State (Sr.)
2 54 Arsalan Kazemi PF  Irã Washington Wizards (de New York) Oregon (Sr.)
2 55 Joffrey Lauvergne C  França Memphis Grizzlies Partizan Belgrade (Sérvia)
2 56 Peyton Siva PG  Estados Unidos Detroit Pistons (de Los Angeles Clippers) Louisville (Sr.)
2 57 Alex Oriakhi C  Estados Unidos Phoenix Suns (de Denver via LA Lakers) Missouri (Sr.)
2 58 Deshaun Thomas SF  Estados Unidos San Antonio Spurs Ohio State (Jr.)
2 59 Bojan Dubljević C  Montenegro Minnesota Timberwolves (de Oklahoma City)[t 7] Valencia Basket (Espanha)
2 60 Jānis Timma SF  Letônia Memphis Grizzlies (de Miami)[t 8] BK Ventspils (Letônia)

Trocas envolvendo escolhas no draft[editar | editar código-fonte]

Negociações pré-Draft[editar | editar código-fonte]

Anteriormente ao draft, as seguintes negociações foram feitas e resultaram em trocas de escolhas do draft entre os times.

  1. a b Em 5 de Julho, 2012, o Oklahoma City Thunder adquiriu uma escolha de primeiro round de 2013 (a 12ª escolha), uma escolha de segundo round de 2013 (a 32ª escolha), uma futura escolha de primeiro round do Dallas Mavericks, Kevin Martin e Jeremy Lamb do Houston Rockets em troca de James Harden, Cole Aldrich, Daequan Cook e Lazar Hayward. Anteriormente, em 5 de Julho, 2012, o Rockets adquiriu Gary Forbes e uma escolha de primeiro round de 2013 (a 12ª escolha) do Toronto Raptors em troca de Kyle Lowry.[17]
  2. Em 11 de Julho, 2012, o Atlanta Hawks adquiriu a escolha de primeiro round de 2013 (a 18ª escolha) do Brooklyn Nets como parte da troca por Joe Johnson.[19] Anteriormente, em 15 de Dezembro, 2010, os Nets adquiriram Sasha Vujacic e uma escolha condicional de primeiro round do Houston Rockets em uma troca de três times.[20]
  3. a b Em 15 de Março, 2012, o Cleveland Cavaliers adquiriu Luke Walton, Jason Kapono, uma escolha condicional de primeiro round de 2012 e o direito de trocar a menos favorável escolha de primeiro round de 2013, em troca por Ramon Sessions e Christian Eyenga. Cavaliers tinha a escolha deles e a do Miami Heat (30ª escolha) no primeiro round, assim a opção de troca foi exercida com o Cavaliers recebendo a 19ª escolha dos Lakers e o Lakers recebeu a 30ª escolha do Miami Heat.[21]
  4. Em 23 de Fevereiro, 2011, o Utah Jazz adquiriu Devin Harris, Derrick Favors, uma escolha de primeiro round de 2011 e a escolha de primeiro round de 2013 (a 21ª escolha) do Brooklyn Nets em troca de Deron Williams.[22] Anteriormente, em 22 de Julho, 2008, o Nets adquiriu uma escolha condicional de primeiro round (a 21ª escolha) do Golden State Warriors em troca de Marcus Williams.[23]
  5. Em 23 de Junho, 2011, o Minnesota Timberwolves adquiriu Brad Miller, os direitos de draft de Nikola Mirotic e Chandler Parsons e uma escolha de primeiro round de 2013 (a 25ª escolha) do Houston Rockets em troca de Jonny Flynn, os direitos de draft de Donatas Motiejunas e uma escolha de segundo round de 2012.[24] Anteriormente, em 24 de Fevereiro, 2011, o Rockets adquiriu Hasheem Thabeet, DeMarre Carroll e uma escolha de primeiro round de 2013 de Memphis em troca de Shane Battier e Ish Smith.[25]
  6. Em 4 de Julho, 2012, os LA Lakers adquiriram Steve Nash em troca de uma escolha de primeiro round de 2013 (a 30ª escolha), uma escolha de primeiro round de 2015 e duas escolhas de segundo round, de 2013 (a 57ª escolha) e 2014.[29] Anteriormente, em 23 de Junho, 2011, o Lakers adquiriu uma futura escolha de segundo round (a 57ª escolha) do Denver Nuggets em troca dos direitos de draft de Chukwudiebere Maduabum.[30]
  7. Em 13 de Dezembro, 2011, o Minnesota Timberwolves adquiriu Robert Vaden, uma escolha de segundo round de 2012 e uma futura escolha condicional de segundo round (a 59ª escolha) do Oklahoma City Thunder em troca de Lazar Hayward.[31]
  8. Em 21 de Fevereiro, 2012, Memphis adquiriu Dexter Pittman e a escolha de segundo round do Miami Heat (a 60ª escolha) em troca dos direitos de draft de Ricky Sánchez.[32]

Negociações no dia do Draft[editar | editar código-fonte]

As seguintes negociações envolvendo jogadores draftados foram realizadas no dia do draft.

  1. O New Orleans Pelicans trocou a 6ª escolha, Nerlens Noel, e uma escolha protegida de primeiro round de 2014 para o Philadelphia 76ers em troca Jrue Holiday e a 42ª escolha Pierre Jackson.[15]
  2. a b c O Minnesota Timberwolves trocou a 9ª escolha Trey Burke para o Utah Jazz em troca da 14ª escolha Shabazz Muhammad e da 21ª escolha Gorgui Dieng.[16]
  3. a b O Dallas Mavericks trocou a 13ª escolha, Kelly Olynyk, para o Boston Celtics em troca dos direitos de draft da 16ª escolha, Lucas Nogueira, e um par de escolhas de segundo round de 2014.[18]
  4. a b O Dallas Mavericks enviou a 16ª escolha, Lucas Nogueira, o armador Jared Cunningham e a 44ª escolha (Mike Muscala) para o Atlanta Hawks em troca da 18ª escolha, Shane Larkin.[18]
  5. a b O Minnesota Timberwolves trocou a 26ª escolha Andre Roberson e Malcolm Lee para o Golden State Warriors em troca de uma escolha de segundo round de 2014 e dinheiro. Golden State então trocou Roberson para o Oklahoma City Thunder em troca da 29ª escolha (Archie Goodwin) e dinheiro.[26]
  6. O Denver Nuggets trocou a 27ª escolha Rudy Gobert para o Utah Jazz em troca da 46ª escolha, Erick Green, e dinheiro.[27]
  7. a b O Golden State Warriors trocou a 29ª escolha, Archie Goodwin, e Malcolm Lee para os Phoenix Suns em troca da 30ª escolha Nemanja Nedovic.[28]

Referências

  1. Zillgit, Jeff. "Memorando de Hunter para jogadores detalha CBA da NBA", USA Today, 7 de Dezembro, 2011. Página visitada em 12 de Dezembro, 2011.
  2. a b Artigo X, Seção 1(b)(i) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 27 de Fevereiro, 2008.
  3. Artigo X, Seção 1(c) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 31 de Julho, 2009.
  4. Artigo X, Seção 1(b)(ii) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 31 de Julho, 2009.
  5. Artigo X, Seção 1(b)(ii)G)(1) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 31 de Julho, 2009.
  6. Artigo X, Seção 1(b)(ii)(F) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 27 de Fevereiro, 2008. (non-international players)
  7. Artigo X, Seção 1(b)(ii)(G)(3) 2005 NBA Collective Bargaining Agreement National Basketball Players Association. Visitado em 17 de Abril, 2008. Cópia arquivada em 27 de Fevereiro, 2008. (international players)
  8. Bylaw 12.2.4.2.1.1 Exceção para Atletas-Estudantes de Quarto Ano no Basquetebol Masculino (PDF) (em inglês) 2010–11 NCAA Division I Manual National Collegiate Athletic Association. Visitado em 2 de Fevereiro, 2011.
  9. Participantes iniciais NBA Draft de 2013: Universitários não-formados indo para o profissional (em Inglês)
  10. A NBA anuncia os candidatos iniciais para o NBA Draft e 2013 (em inglês) NBA.com (1 de Maio, 2013). Visitado em 2 de Maio, 2013.
  11. Post no Facebook. Aplicações iniciais de jogadores internacionais para o Draft anunciadas pela NBA (em inglês) Usatoday.com. Visitado em 3 de Maio, 2013.
  12. NBA Draft: Cleveland Cavaliers vencem a Loteria do Draft, Orlando Magic fica com a 2ª escolha.
  13. http://www.prosportstransactions.com/basketball/DraftTrades/Years/2013.htm
  14. NBA Draft de 2013: Convidados da sala verde. BleacherReport.com (22 de Junho, 2013). Visitado em 23 de Junho, 2013.
  15. Nerlens Noel indo para Philly ESPN.com (28 de Junho, 2013). Visitado em 28 de Junho, 2013.
  16. Wolves negocia Burke para o Jazz por 2 escolhas NBA.com (27 de Junho, 2013).
  17. Revevendo a Troca de Kyle Lowry (em inglês) RaptorRepublic.com (23 de Maio, 2013). Visitado em 27 de Junho, 2013.
  18. a b Mavs consegue Larkin após trocas com Celtics e Hawks (em inglês) NBA.com (27 de Junho, 2013).
  19. Brooklyn Nets Adquirem o All-Star Joe Johnson (em inglês) NBA.com (26 de Junho, 2012). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  20. NETS Adquirem Vujacic e 2 Escolhas de 1º Round em uma Troca de Três Times (em inglês) NBA.com (15 de Dezembro, 2010). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  21. Cavaliers Adquirem, Escolha de Primeiro Round de 2012, Kapono, Walton e o Direito de Trocar Escolhas de Primeiro Round de 2013 dos Lakers (em inglês) NBA.com (15 de Março, 2012). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  22. Jazz Obtêm Harris e Favors de New Jersey (em inglês) NBA.com (23 de Fevereiro, 2011). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  23. Warriors Adquirem o Armador Marcus Williams De New Jersey (em inglês) NBA.com (22 de Julho, 2008). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  24. Wolves Completam Cinco Trocas Na Noite do Draft (em inglês) NBA.com (23 de Junho, 2011). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  25. Rockets Faz Acordo Por Thabeet, Dragic E Carroll (em inglês) NBA.com (24 de Fevereiro, 2011). Visitado em 18 de Abril, 2013.
  26. Wolves trocam a 26ª escolha Andre Roberson em uma troca de três times NBA.com (27 de Junho, 2013).
  27. Jazz adquire os direitos de draft de Rudy Gobert de Denver NBA.com (27 de Junho, 2013).
  28. Warriors adquirem os direitos de draft de Nemanja Nedovic NBA.com (27 de Junho, 2013).
  29. Nash vai para os rivais Lakers em acordo de sign-and-trade (em inglês) NBA.com (4 de Julho, 2012). Visitado em 24 de Junho, 2013.
  30. Nuggets adquirem direitos de ala Nigeriano dos Lakers NBA.com Turner Sports Interactive, Inc (23 de Junho, 2011). Visitado em 28 de Junho, 2011.
  31. Timberwolves Negociam Lazar Hayward Para Oklahoma City
  32. Grizzlies adquirem Dexter Pittman ESPN (21 de Fevereiro, 2013). Visitado em 27 de Junho, 2013.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:
  • National Basketball Association