3º Batalhão de Polícia Militar (PMERJ)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
3° Batalhão de Polícia Militar
3bpm.png
Brasão
País  Brasil
Estado  Rio de Janeiro
Corporação Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro
Subordinação 1º Comando de Policiamento de Área
Missão policiamento ostensivo e manutenção da ordem pública
Sigla 3° BPM
Criação 1890
Aniversários 14 de janeiro
Sede
Sede Rio de Janeiro
Bairro Méier
Endereço Rua Lucídio Lago

O Terceiro Batalhão de Polícia Militar (3º BPM) é uma Organização Policial Militar (OPM) da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ). Ele está subordinado ao 1º Comando de Policiamento de Área (1º CPA).

História[editar | editar código-fonte]

Criado pelo Decreto nº. 155, de 14 de Janeiro de 1890 como 3º Regimento de Infantaria foi alojado na Rua São Cristóvão, esquina com a Rua Francisco Eugênio. Em 15 de maio de 1899, foi recriado como o 3º Batalhão de Infantaria. Em 1908 foi transferido para o Quartel da Rua Lucídio Lago (Méier), local em que até hoje se encontra instalado.

Área de atuação[editar | editar código-fonte]

Atualmente,o 3º Batalhão de Polícia Militar é responsável pela preservação da ordem pública nos bairros do Méier, Engenho Novo, Engenho de Dentro, Cachambi, Del Castilho, Maria da Graça, Água Santa, Riachuelo, Rocha, Sampaio, Todos os Santos, Abolição, Pilares, Inhaúma, Engenho da Rainha, Piedade, Tomás Coelho, Encantado, Lins de Vasconcelos, Jacaré, Jacarezinho e São Francisco Xavier, abrangendo uma área de 41,43 km² com população de aproximadamente em 600.000 habitantes.

Desenvolve o serviço de policiamento ostensivo em importantes vias expressas, como avenida Dom Hélder Câmara e avenida Pastor Martin Luther King Júnior; grandes centros comerciais e financeiros da Abolição, Pilares, Rua 24 de Maio e, principalmente, Rua Dias da Cruz; grandes estabelecimentos de ensino superior (Faculdades Integradas Hélio Alonso, Universidade Gama Filho, Faculdade Estácio de Sá, Univercidade, Centro Universitário Celso Lisboa, etc.); grandes shopping centers (Norte Shopping, Nova América Outlet Shopping, etc.); e a Unidade Prisional de Água Santa, denominado Presídio Ary Franco, com uma população carcerária de aproximadamente 1.000 detentos; além das instalações do Estádio Olímpico João Havelange (Engenhão).