746 CCFL

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
746 Marquês de Pombal ⇄ Santa Cruz/Damaia
Principais destinos
Unknown route-map component "uKBFa"
Marquês de Pombal MetroLisboa-linha-azul.png MetroLisboa-linha-amarela.png Logo vmc.png
Urban stop on track
São Sebastião MetroLisboa-linha-azul.png MetroLisboa-linha-vermelha.png
Urban stop on track
Praça de Espanha MetroLisboa-linha-azul.png Logo vmc.png
Urban stop on track
Sete Rios Logo CP 2.svg MetroLisboa-linha-azul.png
Urban stop on track
Estrada de Benfica (São Domingos de Benfica)
Urban stop on track
Estrada de Benfica (Igreja de Benfica) Logo vmc.png
Urban stop on track
Portas de Benfica Logo vmc.png
Unknown route-map component "uKBFe"
Santa Cruz/Damaia Logo CP 2.svg Logo vmc.png

A carreira 746 da Carris, transportadora coletiva municipal de Lisboa, Portugal, é simbolizada com a cor azul e é uma carreira complementar na rede de transportes públicos da cidade de Lisboa. Tem os seus terminais no Marquês de Pombal e no apeadeiro de Santa Cruz/Damaia, passando por Sete Rios e Estrada de Benfica.

Teve o seu início no dia 9 de Setembro de 2006, integrada na primeira fase da rede 7, substituindo algumas ligações existentes na actual zona azul por esta carreira de maiores frequências. A esta altura efectuava o percurso entre a estação de Santa Apolónia e o apeadeiro de Santa Cruz/Damaia.

A 5 de Janeiro de 2008, com a entrada em vigor da segunda fase da rede 7 que preconizou a reestruturação da rede na zona central da cidade por ocasião da abertura do troço de metropolitano para as estações do Sul e Sueste e de Santa Apolónia, o percurso da carreira 746 foi reestruturado por ser praticamente coincidente com o do comboio. Desde essa data, o troço mais central da carreira foi descontinuado passando a efectuar apenas o percurso actual, isto é, entre Marquês de Pombal e Santa Cruz/Damaia. Esta alteração foi efectuada sem ter em consideração o atraso na conclusão do túnel ferroviário, que permite a ligação da freguesia até à Baixa de Lisboa 1 .

Para ajustar a oferta desta carreira à sua procura, no dia 9 de Maio de 2011 o seu horário sofreu reduções de frequência2 .

Características[editar | editar código-fonte]

Estação[editar | editar código-fonte]

Miraflores

Material circulante[editar | editar código-fonte]

  • Mercedes-Benz O530 G (série 4601-4620) Evobus Citaro G
  • MAN 18-310 (série 2201-2310) Caetano CityGold
  • MAN 18-310 (série 2311-2348) Marcopolo Viale

Tipologia[editar | editar código-fonte]

Esta carreira é classificada como complementar pelo facto de assegurar a ligação directa entre alguns pontos servidos por diferentes carreiras estruturantes da rede da Carris e do metropolitano. Funciona com níveis de frequência médios e faz parte do grupo de quatro carreiras 3 que percorre a Estrada de Benfica praticamente de uma ponta à outra, permitindo a ligação da freguesia de Benfica com a estação de Sete Rios. Actualmente é a única carreira deste grupo a funcionar com autocarros articulados dada a suavidade do seu percurso. É também a única carreira da Estrada de Benfica que funciona no horário nocturno, estabelecendo correspondência às carreiras 726 e 758 na estação de Sete Rios.

Funciona, diariamente, entre as 05:30 e as 00:00, aproximadamente. As primeiras viagens têm início e fim na estação do Sul e Sueste, substituindo o metropolitano que inicia o seu serviço mais tarde. Fora do período de funcionamento desta carreira, as ligações são garantidas pela carreira 205 no percurso entre Marquês de Pombal e as Portas de Benfica e pela carreira 202 na ligação de Sete Rios e das Portas de Benfica ao apeadeiro de Santa Cruz/Damaia.

Percurso[editar | editar código-fonte]

Sentido Santa Cruz/Damaia[editar | editar código-fonte]

Marquês de Pombal Praça de EspanhaSete RiosEstrada de BenficaCalharizPortas de BenficaSanta Cruz/Damaia


Do Marquês de Pombal a Sete Rios, o autocarro circula pela Praça de Espanha. Alcançando a Praça de Espanha, o autocarro serve o interface rodoviário instalado nas imediações desta praça, com ligação à linha de Metropolitano da Gaivota, à maioria das carreiras da TST que cruza a Ponte de 25 de Abril e ainda a uma carreira da Vimeca com destino a Caxias, Paço d'Arcos e Oeiras.

Após a Praça de Espanha, percorre os poucos metros que separam este interface de Sete Rios, um dos principais interfaces da cidade de Lisboa com conexão a outros serviços da Carris, autocarros de longo curso, metropolitano e comboios Urbanos e de médio e longo curso da CP e da Fertagus. Também em Sete Rios é possível o acesso ao Jardim Zoológico de Lisboa e à Escola Secundária de Dom Pedro V.

Posteriormente, o autocarro dirige-se de Sete Rios para a Estrada de Benfica, servindo São Domingos de Benfica, em parceria com as carreiras 202, 716 e 758 as quais, conjuntamente com esta carreira 746 constituem o eixo da Estrada de Benfica e que permite a ligação de Benfica até ao interface Sete Rios, num serviço de alta frequência, funcionando 24 horas por dia, todos os dias da semana. A Estrada de Benfica é um eixo rodoviário vertebrador e que dá serviço a um conjunto habitacional bastante denso. Praticamente ao meio da Estrada de Benfica, encontra-se o Calhariz de Benfica, designação dada a uma zona da Estrada de Benfica e que se situa numa encruzilhada de caminhos, a partir dos quais se pode divergir tanto para a continuação da Estrada de Benfica - e que continua pelo concelho da Amadora sob o nome de Avenida Elias Garcia - como por uma artéria de ligação à Estrada da Luz, com passagem pelo Centro Comercial Colombo. Junto a esta paragem localiza-se a Escola José Gomes Ferreira e o Centro Comercial Fonte Nova.

Saindo de Calhariz de Benfica, o autocarro continua viagem pela Estrada de Benfica, passando pela Igreja de Benfica e pela zona predominantemente comercial da freguesia, onde se situa o Mercado, e por Portas de Benfica, na fronteira do concelho da Amadora com o de Lisboa, que nos últimos tempos sofreu uma grande mutação em virtude das obras da CRIL - IC17.

Saindo de Portas de Benfica, o autocarro dirige-se para o apeadeiro de Santa Cruz/Damaia, onde faz o seu terminal com ligação aos comboios da linha de Sintra e com seguimento para as linhas de Cintura e Norte.

Sentido: Apeadeiro SANTA CRUZ / DAMAIA
código paragem ligação Logo ccfl.png4 ligação ML ligação Logo CP 2.svg outras ligações
cod MARQUÊS DE POMBAL 736 744 783 91 207 702 712

720 723 727 732 738 753

MetroLisboa-linha-azul.png MetroLisboa-linha-amarela.png Logo vmc.pngTST
cod Marquês de Pombal 736 744 783 91 207 702 712

720 723 727 732 738 753

MetroLisboa-linha-azul.png MetroLisboa-linha-amarela.png
cod Avenida António Augusto de Aguiar
cod Igreja de São Sebastião da Pedreira
cod São Sebastião 713 742 MetroLisboa-linha-azul.png MetroLisboa-linha-vermelha.png
cod Bairro Azul (Gulbenkian)
01505 Praça de Espanha 716 726 756 MetroLisboa-linha-azul.png Logo vmc.png TST
01507 Avenida Madame Curie 716 726
01601 Rua Dr. António Granjo 716 726
01621 Estação Sete Rios 96 202 701 716 726 731 758 770 Sintra

Azambuja

Ligação aos serviços ferroviários de Longo Curso e Regional da CP

Fertagus
01607 Sete Rios 754 202 701 716 726 731 755 758 768 MetroLisboa-linha-azul.png
01616 Estrada de Benfica (Furnas) 202716 758
10706 Rua Duarte Galvão 202 716 758
10704 Bairro Novo 202 716 758
10702 São Domingos de Benfica 202 716 758
10830 Pupilos do Exército 202 716 758
10826 Rua Professor Reinaldo dos Santos 202 716 758
10814 Calhariz 202 716 758 Logo vmc.png
10802 Escola Pedro Santarém 202 716 729 750 758 767 Logo vmc.png
10906 Estrada de Benfica (Avenida Gomes Pereira) 716 729 758
10904 Igreja de Benfica 716 729 758 Logo vmc.png
cod Estrada de Benfica (Mercado) 202 758 Logo vmc.png
cod Portas de Benfica 202 711 758 767 Logo vmc.png
cod Rua Duarte Pacheco Pereira 711 767
cod Estação Damaia (descida) 711 767 Sintra Logo vmc.png
cod ESTAÇÃO DAMAIA 711 767 Sintra Logo vmc.png

Sentido Marquês de Pombal[editar | editar código-fonte]

Santa Cruz/Damaia Portas de BenficaCalharizEstrada de BenficaSete RiosPraça de EspanhaMarquês de Pombal

Partindo do apeadeiro de Santa Cruz/Damaia, o autocarro dirige-se para Portas de Benfica, na fronteira do concelho da Amadora com o de Lisboa, que nos últimos tempos sofreu uma grande mutação em virtude das obras da CRIL - IC17.

Após Portas de Benfica, a viagem prossegue pela Estrada de Benfica, um eixo rodoviário vertebrador da cidade de Lisboa e que dá serviço a um conjunto habitacional bastante denso. Deste modo o autocarro passa pela zona predominantemente comercial da freguesia, onde se situa o Mercado, pela Igreja de Benfica, por alguns estabelecimentos de ensino e pelo centro de saúde de Benfica. Alcança assim o Calhariz de Benfica, que se situa praticamente ao meio da Estrada de Benfica, e é uma designação dada a uma zona da Estrada de Benfica que se situa numa encruzilhada de caminhos, a partir dos quais se pode divergir tanto para a continuação da Estrada de Benfica - até Sete Rios - como por uma artéria de ligação à Estrada da Luz, com passagem pelo Centro Comercial Colombo. Junto a esta paragem localiza-se, também, o Centro Comercial Fonte Nova.

Saindo de Calhariz de Benfica, o autocarro continua viagem pela Estrada de Benfica, servindo São Domingos de Benfica. No final encontra-se Sete Rios, um dos principais interfaces da cidade de Lisboa com conexão a outros serviços da Carris, autocarros de longo curso, metropolitano e comboios Urbanos e de médio e longo curso da CP e da Fertagus. Também em Sete Rios é possível o acesso ao Jardim Zoológico de Lisboa e à Escola Secundária de Dom Pedro V. Esta ligação é efectuada em parceria com as carreiras 202, 716 e 758 as quais, conjuntamente com esta carreira 746 constituem o eixo da Estrada de Benfica e que permite a ligação de Benfica até ao interface de Sete Rios, num serviço de alta frequência, funcionando 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Após a estação de Sete Rios, o autocarro percorre os poucos metros da Avenida Columbano Bordalo Pinheiro , servindo as imediações do Instituto Português de Oncologia. Alcançando a Praça de Espanha, o autocarro serve o interface rodoviário instalado nas imediações desta praça, com ligação à linha de Metropolitano da Gaivota, à maioria das carreiras da TST que cruza a Ponte de 25 de Abril e ainda a uma carreira da Vimeca com destino a Caxias, Paço d'Arcos e Oeiras.

Da Praça de Espanha, o autocarro segue pela Avenida António Augusto de Aguiar, passando pela Fundação Calouste Gulbenkian, pelo centro comercial El Corte Inglés e pela Igreja de São Sebastião. Deste modo alcança a Avenida Fontes Pereira de Melo, imediatamente antes de chegar a Marquês de Pombal, onde estabelece ligação com as carreiras da Carris com destino à Baixa, entre outros destinos, e faz o seu terminal com ligação aos autocarros da Vimeca e a uma carreira dos TST com destino à Charneca de Caparica.

Prolongamento a Sul e Sueste[editar | editar código-fonte]

As primeiras viagens têm como origem/destino a estação do Sul e Sueste, circulando pela Avenida da Liberdade, Rossio, Rua do Ouro (Rua da Prata no sentido ascendente) e Praça do Comércio. Este esquema mantém-se até ao início do funcionamento do metropolitano.

Horário[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Devido a condicionalismos técnicos, o túnel do Rossio da linha de Sintra foi encerrado para obras de reparação com carácter de urgência de 22 de Outubro de 2004 a 15 de Fevereiro de 2008.
  2. Alteração de horário. Portal CARRIS. Acedido a 12 de Maio de 2011.
  3. Eixo da Estrada de Benfica composto além da carreira 746 pelas carreiras 205, 716 e 758.
  4. As ligações, com outras carreiras da Carris, são as existentes tanto na mesma paragem como em paragens próximas, sem que necessariamente circulem no período de funcionamento desta carreira.