9ª Região Militar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
9ª Região Militar
Logo 9rm.jpg
Brasão
País  Brasil
Corporação Exército Brasileiro
Subordinação Comando Militar do Oeste
Denominação Região Mello e Cáceres
Sigla 9ª RM
Criação 1821
Comando
Comandante Gen Bda Cmb Edson Henrique Ramires[1]
Sede
Sede Campo Grande -  Mato Grosso do Sul
Endereço Avenida Duque de Caxias, 1628
Internet Página oficial

A 9ª Região Militar (9ª RM), também conhecida como "Região Mello e Cáceres", é uma das doze regiões militares do Exército Brasileiro. Seu nome histórico é uma homenagem a Luís de Albuquerque de Melo Pereira e Cáceres, antigo governador da Província de Mato Grosso.

Sede e abrangência[editar | editar código-fonte]

Está sediada em Campo Grande e possui jurisdição sobre os estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso

História[editar | editar código-fonte]

A história da 9ª Região Militar (Região Mello e Cáceres) funde-se com a própria história da região, cujos territórios correspondem à sua atual área de atuação e responsabilidade. A fundação de Cuiabá em 1719 foi o marco inicial da instalação das primeiras unidades militares no oeste do Brasil, a fim de fazerem frente ao possível choque com a colonização espanhola que avançava para o leste. Em 1748, a Capitania de Mato Grosso foi separada de São Paulo, estabelecendo o início de um novo período de grandes conquistas e de glórias no oeste brasileiro.

Fruto da vontade férrea de Mello e Cáceres, também foram lançados os primeiros alicerces para o estabelecimento de um Comando Militar Regional no oeste do Brasil. Em Decreto Real, de 1º de outubro de 1821, o Príncipe Regente Dom Pedro I criou o Governo das Armas da Capitania de Mato Grosso, embrião formador da 9ª Região Militar. Com a eclosão da Guerra da Tríplice Aliança, o Governo das Armas da Província de Mato Grosso foi organizado em cinco distritos militares: Coimbra, Vila Maria (Cáceres), Baixo Paraguai, Miranda e Luiz Albuquerque (Corumbá). Esses Distritos foram divididos em destacamentos e colônias militares, estabelecendo uma nova estrutura de comando.

Com o fim da guerra e o advento da República, a Província voltou a passar por importantes mudanças no seu dispositivo militar. Em 1891, foi criado o 7º Distrito Militar, que, em 1908, evoluiu para 13ª Região de Inspeção Permanente. Posteriormente, em 1915, para 1ª Circunscrição Militar e, finalmente, para 9ª Região Militar, em 1934. Nessa evolução, a 9ª Região Militar teve como sedes as cidades de Corumbá, Cuiabá, Aquidauana e, finalmente, Campo Grande.

A 9ª Região Militar passou por outras transformações, num passado ainda recente. Em 1980, foi transformada em 9ª RM/DE, e, em 1985, com a criação do Comando Militar do Oeste foi aglutinada por aquele Comando Militar de Área e transformada em CMO/9ªRM/DE. Em 29 de novembro de 1984, a 9ª RM recebeu sua denominação histórica, passando a denominar-se Região Mello e Cáceres, como uma justa homenagem àquele que legou um dos mais caros exemplos de estoicismo, abnegação e de determinação no cumprimento da missão e do dever. Fruto da necessidade de aperfeiçoamento da estrutura logística e operacional do Exército, em 1º de janeiro de 1990, foi desmembrada do CMO/9ª DE, voltando-se integralmente, como Grande Comando Administrativo, para as atividades logísticas, de mobilização e equipamento do território e do serviço militar.

Organizações militares subordinadas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. INFORMEX NR 006 - DE 11 DE MARÇO DE 2013 (em português) Visitado em 1 de abril de 2013

Ligações externas[editar | editar código-fonte]