ATP Challenger Tour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

É uma série de torneios de tênis que são disputados na Europa, América, Ásia, África e Oceania. O ATP Challenger Tour, conhecido até o final de 2008 como ATP Challenger Series, é uma série internacional de torneios masculinos de tênis profissional, que permite aos jogadores ganhar pontos no ranking suficientes para tentar entrar no nível dos torneios ATP. Eles são administrados pela Associação de Tenistas Profissionais (ATP).

História[editar | editar código-fonte]

Os primeiros eventos Challengers foram realizados em 1978. Dezoito torneios foram realizados no mesmo ano.

Atualmente, o cronograma é muito mais extenso. Em 2008, por exemplo, foram realizados 178 torneios de nível Challengers, jogados em mais de 40 países, com premiação total de U$ 10,7 milhões.

Premiação e pontos[editar | editar código-fonte]

Os torneios Challengers oferecem prêmio em dinheiro em um total que varia de U$ 35.000 até U$ 150.000, que, juntamente com o fato de o torneio oferecer hospedagem (alimentação e alojamento) para os jogadores, determina o número de pontos que um jogador ganha em cada jogo no torneio.

Oferecer hospedagem aumenta os pontos distribuídos em um nível. Os pontos para o campeão de um Challenger variam de 75 pontos para um torneio de U$ 50 mil (ou U$ 35 mil com hospedagem) a 125 pontos para um de U$ 150 mil com hospedagem, em contraste com os torneios de nível ATP, que oferecem premiação total de U$ 400 mil a até mais de U$ 6 milhões, com pontuação entre 250 e 2000 pontos para o campeão.

Qualificação aos Challengers[editar | editar código-fonte]

Geralmente, os jogadores que estiverem obtendo sucesso nos torneios Futures, ou que estiverem fracassando nos ATPs, são os tenistas que participam dos Challengers.

Numa escala gradativa, os Futures são considerados torneios de nível profissional fácil, os Challengers são os torneios medianos, e os ATPs são os torneios de alto nível.

Jogadores de Challengers costumam estar num ranking entre o 50 e o 300 do mundo.

Torneios[editar | editar código-fonte]

O ATP World Tour, desde sua criação em 1990, colocou ênfase no desenvolvimento dos Challengers, e o sucesso é crescente nos últimos anos. Segue abaixo alguns torneios Challengers:

Torneio Mês Superfície Prêmios (US$)
Brasil Prime Cup Aberto de São Paulo Janeiro Coberta/Dura 100 000 +H
França Internationaux de Nova Caledónia Janeiro Quadra Coberta/Dura 75 000 +H
Equador Abierto Internacional de Salinas Janeiro Coberta/Dura 35 000 +H
Chile Challenger ATP Iquique Janeiro Saibro 35 000 +H
Alemanha Intersport Heilbronn Open Janeiro Carpete 85 000 +H
Estados Unidos Carson USTA Men's Challenger Janeiro Coberta/Dura 50 000 +H
Colômbia Seguros Bolivar Open Janeiro Saibro 35 000 +H
Estados Unidos Challenger of Dallas Fevereiro Coberta/Dura 50 00 +H
Polónia KGHM Dialog Polish Indoors Fevereiro Coberta/Dura 106 500 +H
Austrália McDonald's Burnie Men's International Fevereiro Coberta/Dura 50 00 +H
Sérvia S Open p/b Sony Ericsson Fevereiro Coberta/Dura 106 500 +H
Marrocos Morocco Tennis Tour - Tanger Fevereiro Saibro 30 00 +H
França Open de Franche-Comté Fevereiro Coberta/Dura 106 500 +H
Brasil Aberto de Brasília Fevereiro Coberta/Dura 50 000 +H
Brasil MasterCard Tennis Cup - Campos do Jordão/SP Julho Coberta/Dura 50 000 +H
Brasil Aberto de Tênis da Bahia[1] Agosto Dura 35 000 +H

Referências

  1. Redação do iBahia.com (13 de agosto de 2010 às 4h 18min). Bahia sedia torneio internacional de tênis (em português). Página visitada em 15 de agosto de 2010.

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]