Abū Ḥanīfa Dīnawarī

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ābu Ḥanīfah Āḥmad ibn Dawūd Dīnawarī (em árabe: ابوحنیفه احمد بن داود دینوری; Dinawar, Irã ocidental, 828 – Dinawar, 24 de julho de 896) foi um erudito curdo que sobressaiu em astronomia, agricultura, botânica, geografia, matemáticas e metalúrgica. Estudou astronomia, matemáticas e mecânica em Isfahan e filologia e poesia em Kufa e Baçorá.

A sua contribuição mais notável foi "Kitāb al-nabāt" ("Livro de plantas"), obra pela qual é considerado o fundador da botânica árabe. Também é reconhecido como um dos primeiros autores em tratar o tema dos antepassados dos curdos na sua obra "Ansāb al-Akrād".[1] [2] [3]

Referências

  1. "ad-Dīnawarī." Encyclopædia Britannica. 2008. Encyclopædia Britannica Online. 27 Dec. 2008<http://www.britannica.com/EBchecked/topic/163804/ad-Dinawari>.
  2. Encyclopedia Iranica, DĪNAVARĪ, ABŪ ḤANĪFA AḤMAD, CHARLES PELLAT. [1]
  3. Fahd, Toufic, "Botany and agriculture", pp. 815 , in Morelon, Régis; Rashed, Roshdi (1996), Encyclopedia of the History of Arabic Science, 3, Routledge, pp. 813–852, ISBN 0415124107