Aborto na Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na Rússia, o aborto é legal até a 12ª semana de gravidez. Em 1920, a Rússia se tornou o primeiro país no mundo a permitir o aborto em todas as circunstâncias. Porém, ao longo do século XX a legislação sobre o aborto no país se modificou, sua proibição voltou a ser decretada em 1936 perdurando até 1954. Segundo dados da Organização das Nações Unidas, a Rússia tem o maior número de abortos por mulher em idade fértil do mundo,[1] entre 15 e 44 anos, com cerca de 1,3 milhão de abortos (número absoluto) realizados por ano, o que equivale a 53,7 abortos para cada 1.000 mulheres.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b ONU. UN statistics of abortion rates by country (em inglês). Undata. Página visitada em 17 de dezembro de 2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre o aborto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.