Acústico MTV (álbum de Legião Urbana)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Acústico MTV
Álbum ao vivo de Legião Urbana
Lançamento 27 de Outubro de 1999
Gravação 28 de Janeiro de 1992, na boate Hippodromo, em São Paulo
Gênero(s) Rock alternativo
Pós-punk
Pop rock
Duração 1:16:33
Idioma(s) Português, inglês
Formato(s) CD, VHS e DVD
Gravadora(s) EMI
Diretor(es) Adriano Goldman
Rogério Gallo
Produção Legião Urbana
Certificação Diamond2.png Diamante - ABPD[1]
Cronologia de Legião Urbana
Último
Último
Como É que Se Diz Eu Te Amo
(2001)
Próximo
Próximo

Acústico MTV é um álbum ao vivo da banda brasileira de rock Legião Urbana, lançado em 1999. No Brasil foram vendidos mais de 1 milhão de cópias e sendo premiado com Disco de Diamante pela Associação Brasileira dos Produtores de Discos.[1]

Foi o segundo programa da série Acústico MTV no Brasil, o primeiro havia sido com a banda carioca Barão Vermelho. O show foi gravado na antiga boate Hippodromo, em São Paulo, no dia 28 de Janeiro de 1992. A banda aceitou o convite da emissora para gravar o programa, ao invés de preparar um videoclipe para a divulgação do então novo álbum, V. O show foi o Acústico com maior simplicidade instrumental, por ser tocado com apenas dois violões e percussão.

O repertório é formado por canções de sucesso, como "Índios", "Pais e Filhos", "Eu Sei", "Há Tempos", "Baader-Meinhof Blues" (única oriunda do primeiro álbum da banda) e "Faroeste Caboclo"; canções do recém-lançado disco, como "Sereníssima", "Teatro dos Vampiros" e "Metal Contra as Nuvens"; e regravações em inglês: "On the Way Home" (sucesso de Neil Young com o grupo Buffalo Springfield), "Rise" (da banda Public Image Ltd., mais conhecida como PIL); "Head On" (do grupo The Jesus and Mary Chain) e "The Last Time I Saw Richard" (da cantora Joni Mitchell).

O single principal do álbum é "Hoje a Noite Não Tem Luar" (versão em português para "Hoy Me Voy Para México", da boy band portorriquenha Menudo).

Algumas das canções deste álbum foram lançadas anteriormente, no álbum Música para Acampamentos (coletânea de gravações ao vivo), ainda em 1992.

Em apenas uma semana, o álbum chegou à marca de mais de 700 mil cópias vendidas (disco de platina duplo, na época).[2]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
allmusic 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg [3]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Baader-Meinhof Blues" (Dado Villa-Lobos/Marcelo Bonfá/Renato Russo) — 5:03
  2. "Índios" (Renato Russo) — 5:28
  3. "Mais do Mesmo" (Dado Villa-Lobos/Marcelo Bonfá/Renato Russo/Renato Rocha) — 4:24
  4. "Pais e Filhos" (Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá) — 6:19
  5. "Hoje a Noite Não Tem Luar" (Alejandro Monroy Fernandez/Carlos Villa de La Torre/versão: Carlos Colla) — 4:31
  6. "Sereníssima" (Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá) — 4:57
  7. "O Teatro dos Vampiros" (Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá) — 5:36
  8. "On the Way Home/Rise" (Neil Young/John Lydon/William Laswell) — 6:50
  9. "Head On" (William Reid/James Reid) — 2:49
  10. "The Last Time I Saw Richard" (Joni Mitchell) — 3:39
  11. "Metal Contra as Nuvens" (Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá) — 9:21
  12. "Há Tempos" (Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá) — 3:45
  13. "Eu Sei" (Renato Russo) — 3:55
  14. "Faroeste Caboclo" (Renato Russo) — 9:53

Formação[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde agosto de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
  • Renato Russo dedicou a canção "Pais e Filhos" ao VJ Luiz Thunderbird, declarando: "Esta vai pro Thunderbird, o VJ sem pai nem mãe".[4] A dedicatória não foi incluída em nenhuma das versões do álbum.
  • Na introdução de "The Last Time I Saw Richard", Renato Russo dedica a canção a sua irmã, Carmem Teresa Manfredini.
  • Antes de executar "Sereníssima", Renato relata ter descoberto depois que a cidade de Veneza era conhecida pelo mesmo nome da canção, não tendo relação propositalmente da letra com a cidade italiana.
  • Renato ainda declarou que a música "Teatro dos Vampiros" deveria falar sobre a TV. Subentende-se que, possivelmente, seja uma citação a uma novela de sucesso da época: Vamp, da Rede Globo.

Notas e referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Legião Urbana é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.