Acelga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAcelga
Swiss Chard.jpg

Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Caryophyllales
Família: Amaranthaceae
Género: Beta
Espécie: B. vulgaris
Subespécie: B. v. var. cicla
Nome trinomial
Beta vulgaris var. cicla
(L.) K.Koch

A acelga ou beterraba branca (Beta vulgaris var. cicla), é uma hortaliça, que apresenta talos longos e firmes, as folhas podem ser baças ou brilhantes, de coloração verde ou avermelhada.

Contém quantidades consideráveis de niacina, vitamina A e vitamina C. Além destas contém ésteres do ácido oxálico, o que pode prejudicar a absorção de cálcio pelos ossos.[1]

Na Argentina, a acelga é muito apreciada na culinária e é consumida em pizzas, na forma de bolinhos fritos e, principalmente, é consumida como ensopado junto com batata cortada em pedaços e temperada com alho frito em azeite. [carece de fontes?]

História[editar | editar código-fonte]

Na antiguidade, já era utilizada pelos romanos, egípcios e gregos. Tornou-se mais conhecida na Idade Média, na França.

Uso medicinal[editar | editar código-fonte]

Pode ser usada nas micoses, cicatrizes e cálculos biliares. Age como antioxidante, auxília o fígado e é utilizada nas doenças circulatórias.[2]

Referências

  1. Portal São Francisco - Acelga. Página visitada em 25/02/2009.
  2. Brasil Escola - Acelga. Página visitada em 25/02/2009.
Ícone de esboço Este artigo sobre a ordem Caryophyllales, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.