Acer Aspire One

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Acer Aspire One
Netbook[1]
Acer.aspire-522.amd-fusion.ubuntu 1c555 7145.jpg
Fabricante: Acer
Arquitetura Intel Atom
Conectividade: 802.11b/g[1]
Lançamento: julho de 2008 (6 anos)
Sistema operativo: Windows XP Home SP3[1]
ou Linux
Microprocessador: Intel Atom N270 1.66GHz[1]
Memória: 120GB 2.5" 5400RPM Hitachi
1GB DDR2 533Mhz[1]
Tela: 8.9" 1024x600 WSVGA reflexiva LED[1]
Sítio: URL não preenchido. Favor adicionar.
Portal Tecnologias da informação

Acer Aspire One é uma linha de notebooks supercompactos, ou netbooks, lançada em Julho de 2008 pela Acer. É baseada na plataforma Intel Atom, que consiste no processador Intel Atom N270, no chipset Intel 945GSE Express e no controlador E/S Intel 82801GBM. A linha é fabricada para a Acer pela Quanta Computer e está disponível em várias cores: Branco pérola, Azul safira, Marrom dourado, Preto ônix e Rosa metálico.

Seu preço inicial era focado em ser menor do quê todos seus modelos concorrentes.[1] O Aspire One básico inclui um SSD de 8GB e Linux, custando muito menos do quê qualquer outro com um processador Intel Atom.[1]

Características[editar | editar código-fonte]

É um netbook bem difícil para fazer melhorias, da perspectiva do upgrade.[1] A carcaça não se separa tão facilmente como outros para acessar componentes vitais como a RAM ou o disco rígido.[1] Enquanto a maioria dos usuários não deseja mexer no interior, isto é ruim para os que pensam em fazer algo como instalar um drive mais rápido ou fazer upgrade para o Vista, que permite RAM adicional.[1] Outro aspecto desapontador é o slot aberto Mini-PCIe não ter nenhum conector.[1] Esta área está preparada com uma porta para cartão SIM obviamente para recursos 3G, mas a menos que o usuário possa soldar seu próprio conector, ele estará sem sorte.[1]

Há a pequena desvantagem de haver enormes bordas de tela.[1]

O teclado é espaçoso tanto quanto um netbook permite, já que o Aspire One é um netbook 9" dentro do corpo de um modelo 10".[1] Há nisto a pequena desvantagem de haver enormes bordas de tela, mas obtém-se o estado de um teclado real, muito mais necessário.[1] O teclado é espremido quando comparado com um notebook, mas é fácil pegar o jeito com prática suficiente.[1] A superfície de digitação parece forte, sem flexibilidade no teclado, e as teclas individuais parecem fortes, sem oscilação.[1] Possui butões dedicados para Page Up e Page Down, que podem prover uma forma mais acurada de navegar em uma webpage ou documento em ritmo rápido.[1]

Design[editar | editar código-fonte]

O design do Acer Aspire One é bem lustroso.[1]

O design do Acer Aspire One é bem lustroso, com cantos levemente arredondados e uma superfície brilhosa macia que é confortável para segurar quando fechado.[1] A aparência é bem básica, mas ele possui detalhes cromados em um ou outro lugar, para melhorar um pouco a aparência do netbook. Plástico brilhoso é encontrado no topo da tampa da tela, bem como em volta de todo o LCD.[1] Às vezes a moldura brilhosa incomoda bastante se o usuário estiver em uma sala iluminada com muitas fontes de reflexo.[1]

Segurá-lo quando fechado é similar a segurar um livro de capa dura.[1]

A qualidade da fabricação parece sólida para um subnotebook e a montagem parece forte o bastante para suportar que o netbook seja lançado em uma mochila sem muita preocupação com sua segurança.[1] Segurá-lo quando fechado é similar a segurar um livro de capa dura, com boa rigidez para resistir à flexão e à compressão.[1] A tampa da tela parece especialmente forte, o que é importante para proteger o painel LCD relativamente frágil.[1]

Especificações[editar | editar código-fonte]

Sistema Operacional[editar | editar código-fonte]

Windows[editar | editar código-fonte]

Windows XP Home Edition SP3 vem instalado nos modelos onde o nome termina com X, ou com B seguido de outra letra que determina a cor do modelo.

Também é possível instalar outros sistemas operacionais no laptop, como o Windows Vista, versões não-oficiais do Windows 7, ou mesmo distribuições Linux - incluindo Ubuntu, openSUSE, Debian, entre outras.

Linux[editar | editar código-fonte]

Modelos onde o nome termina com L, ou com A seguido da letra que indica a cor, são vendidos com o Linpus Linux Lite. Ele oferece uma interface com o usuário simples, com aplicativos padrão como o browser Firefox 2, o OpenOffice.org 2.3, o Acer One Mail e Acer One Messenger disponíveis diretamente na tela principal. A área de trabalho principal foi desenhada para prevenir a alteração de configurações e definições avançadas; porém, é possível alterar as configurações pela tela de preferências.

Armazenamento[editar | editar código-fonte]

Discos SSD[editar | editar código-fonte]

O modelo A110 vem com 8GB ou 16GB em drive de estado sólido (SSD). Os primeiros modelos vieram com o Intel Z-P230, modelo SSDPAMM0008G1. Este SSD foi criticado pela sua baixa taxa de leitura e gravação. A Intel vende este SSD como taxas de 38 MB/s de leitura e 10 MB/s de escrita. Modelos mais novos vieram com drives bem mais rápidos da Samsung, modelo P-SSD 1800. A expansão não funciona no Windowns. A máquina esquenta muito, ao ponto dos adesivos se soltarem.

Disco rígido[editar | editar código-fonte]

O HD regular SATA de 2.5 polegadas e 5400 RPM com 120 ou 160 GB. Cinco modelos diferentes de drives foram usados até hoje: Seagate ST9120817AS, Western Digital WD1200BEVS, WD1600BEVT, Hitachi HTS543212L9A300, e Toshiba MK1652GSX.

Slot de expansão de armazenamento[editar | editar código-fonte]

Há também um slot de expansão de memória de armazenamento no padrão SD/SDHC (até 16GB). Nas versões com Linux o espaço é automaticamente expandido com o uso do cartão de memória. No Windows XP o cartão é tratado como um cartão de memória removível normal. Existe um segundo slot que funciona como um leitor de cartões, que pode ser usado com muitos tipos diferentes de cartões de memória, entre eles SD, SDHC, XD, Memory Stick e Compact Flash. No entanto, a BIOS não suporta o boot a partir destes slots para cartões de memória. É possível iniciar o sistema apenas por meio do HD ou SSD interno, ou pelas portas USB, através de PenDrives ou HDs e Unidades de CD ou DVD externas.

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa Acer Aspire One Review (em inglês) Notebook Review (9 de janeiro de 2008). Visitado em 18 de dezembro de 2011. "The Acer Aspire One is a 8.9" netbook with a starting price that is aimed to undercut nearly all the current market competitors. The base Aspire One, which includes an 8GB SSD and Linux starts at $329, which is far under anything else that has the Intel Atom processor. [...] The design of the Acer Aspire One is very sleek with softly rounded edges and a smooth glossy surface that is comfortable to hold when closed. The look is fairly basic, but it does have a few chrome accents here and there which add a bit of spice into the look of the netbook. Glossy plastic is found on the top of the screen cover, as well as around the entire LCD. At times the reflective boarder does get on your nerves if you are in a brightly lit room with many sources of glare. Build quality looks solid for a subnotebook and the construction feels strong enough to handle being tossed around inside a bookbag without much concern for its safety (well apart from the glossy surfaces). Holding it while it is folded in half is similar to holding a hard cover book, having a good amount of rigidity to resist flex and compression. The screen cover feels especially strong, which is important for protecting the relatively fragile LCD panel. From an upgrading perspective, the Acer Aspire One is a very difficult netbook to make enhancements to. The case does not separate as easily as others to access vital components like RAM or the hard drive. While most users won't touch the insides, it is worth mentioning it for those thinking about upgrading to Vista which enjoys additional RAM, or something looking to install a faster drive. Another disappointing aspect about the Aspire One is the open Mini-PCIe slot which is lacking any connector. This area is prepped with a SIM-card port for obvious 3G features, but unless you can solder on your own connector you are out of luck. The keyboard is spacious as far as netbooks go, since the Aspire One is a 9" netbook inside the body of a 10" model. You have the slight disadvantage of having huge screen borders, but you get some much needed keyboard real estate. The keyboard is cramped compared to a fullsize notebook, but is easy to get the hang of with enough practice. The typing surface feels strong with no keyboard flex and individual keys feel strong with no wobble. One aspect that I really enjoy about the keyboard layout is the dedicated page up and page down buttons. For scrolling through long webpages, especially with mini touchpads, page up and page down keys can provide a more accurate way of navigating a webpage or document at a fast pace."

Ligações externas[editar | editar código-fonte]