Acumulação compulsiva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Acumulação compulsiva (ou acumulação patológica ou disposofobia) (na literatura em inglês compulsive hoarding), é a aquisição ou coleta de bens ou objetos descartados como lixo, e a incapacidade de usá-los ou descartá-los, mesmo quando os itens são inúteis, perigosos ou insalubres. A acumulação compulsiva, caracterizada pelo isolamento social, diminui a mobilidade e interfere com atividades básicas, como, limpar, tomar banho e dormir.

O acumulador compulsivo é popularmente chamado de "colecionador de lixo", 1 já que na maioria das vezes junta itens insalubres que produzem mau-cheiro e atraem insetos e roedores. Por tal motivo a doença também é conhecida como Síndrome de Diógenes, ou ainda síndrome de miséria senil (embora também acometa pessoas mais jovens, ou de bom nível econômico e intelectual). Em alguns casos não existe exatamente sujeira, mas o acúmulo exagerado e empoeirado de itens como livros, revistas, ferramentas, recipientes diversos, produtos químicos, metais, madeira, móveis, materiais de construção, material elétrico e aparelhos eletroeletrônicos, obsoletos ou com defeito — daí o termo "juntador de velharias". Neste caso pode haver risco de cupins-de-madeira-seca2 e brocas-de-madeira.3

Outro aspecto da compulsão é a acumulação de animais (animal hoarding, na literatura em inglês). Nesse caso, o acumulador vai reunindo um número exagerado de animais de estimação, sem ter como abrigá-los e alimentá-los de forma adequada, ao mesmo tempo em que nega essa incapacidade (algumas vezes passando por protetor dos animais). Embora a maioria desses animais fique em condições as piores possíveis, trata-se de um transtorno mental, e não de crueldade deliberada para com eles. A doença também é conhecida como Síndrome de Noé.

Ainda não está claro, em termos médicos, se a acumulação compulsiva é um transtorno isolado ou o sintoma de outro problema, como o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).4

Referências

  1. Mais um colecionador de lixo. Jornal da Tarde, 2006-07-15. Acesso em 2010-09-08.
  2. Cupins infestam 70% dos imóveis da capital. Paraná Online, 2008-07-19. Acesso em 2010-09-15.
  3. Cupins e Brocas. Fundação Luiz Almeida Marins Filho. Acesso em 2010-09-08.
  4. When People Hoard. MedicineNet, 2003-02-24. Acesso em 2010-09-08 (em inglês).
Ícone de esboço Este artigo sobre Psiquiatria é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.