Adriana Araújo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde agosto de 2010) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Adriana Araújo
Adriana Araújo.
Nome completo Adriana Fátima de Araújo
Nascimento 7 de março de 1976 (39 anos)
Itabirito, MG
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação jornalista

Adriana Fátima de Araújo (Itabirito, 7 de março de 1976), é uma jornalista brasileira.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascida em Itabirito, Minas Gerais, concluiu a faculdade de jornalismo pela PUC-MG em 1993. Começou sua carreira como repórter de economia do jornal Diário do Comércio, de Belo Horizonte. Paralelamente, foi contratada pela TV Globo Minas como editora de texto dos telejornais locais.

Globo[editar | editar código-fonte]

Em 1995, passou para a reportagem da Rede Globo, fazendo matérias para o Jornal Nacional, o Jornal Hoje, o Fantástico, o Bom Dia Brasil e o Globo Repórter.

Em 2002 foi transferida para a TV Globo Brasília, cobrindo acontecimentos políticos na Capital Federal, além de fazer entradas ao vivo no Jornal Hoje diariamente.

Record[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2006 recebeu convite da Rede Record para apresentar ao lado de Celso Freitas o novo Jornal da Record e o "Entrevista Record - Brasil em Discussão" na Record News.

Em 2009, com a contratação de Ana Paula Padrão para apresentar o Jornal da Record, Adriana Araújo passou a ser a nova correspondente da Rede Record em Nova York. A Rede Record chegou a oferecer um programa solo, mas Adriana optou por seguir carreira de repórter, agora como correspondente.

Em 2010 retornou ao Brasil como repórter especial e viajando para cobrir fatos de grande relevância, como o resgaste dos mineiros do Chile, em 2010, e o Acidente nuclear de Fukushima, no Japão, em 2011, além de fazer reportagens especiais para o Domingo Espetacular. Ainda em 2011 ela foi enviada ao México, para a cobertura dos Jogos Pan-Americanos de 2011 que foi transmitido pela Record.

Em 1º de novembro de 2010, Adriana entrevistou, ao lado de Ana Paula Padrão e com exclusividade para o Jornal da Record, a presidenta recém-eleita Dilma Rousseff, vitoriosa nas urnas um dia antes. Foi a primeira entrevista de Dilma depois da vitória.[1]

No primeiro semestre de 2012 foi enviada para Londres para a produção de uma série de reportagens para o Jornal da Record sobre a Jogos Olímpicos 2012, com os preparativos da capital britânica para a realização do evento esportivo que a Rede Record então transmitiria, entre o final de julho e meados de agosto de 2012, com exclusividade na TV aberta.[2] [3] [4] Adriana ficou em Londres até o fim dos Jogos, que, junto de Ana Paula Padrão, apresentou, dentro de um estúdio do Estádio Olímpico de Londres, a cerimônia de abertura da Olimpíada 2012.

Entre 2 de dezembro de 2012 e 17 de março de 2013 fez parte do quarteto de apresentadores do semanal Domingo Espetacular, ao lado de Paulo Henrique Amorim, Janine Borba e Fabiana Scaranzi. [5] [6]

Em 26 de março de 2013, Adriana voltou a comandar, junto com Celso Freitas, o Jornal da Record, quatro anos após ser substituída por Ana Paula Padrão - que rescindiu contrato com a Record uma semana antes.[7]

Em setembro de 2014, a jornalista entrevistou na bancada do Jornal da Record - junto com seu colega Celso Freitas - os principais candidatos à presidência da república.[8]

No dia 28 de setembro, Adriana mediou, também junto com Celso Freitas, o debate com os presidenciáveis.[9]

No dia 27 de outubro, Adriana Araújo entrevistou em primeira mão a presidente Dilma Rousseff, recém-reeleita para mais um mandato.[10] A entrevista foi concedida no Palácio da Alvorada, em Brasília, e exibida ao vivo no Jornal da Record.[11]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Adriana Araújo recebeu em 2013 a Medalha "Francisco Homem Del Rey", maior condecoração concedida pelo legislativo do município de Itabirito-MG, cidade natal da jornalista.[12]

Em 2012, a reportagem "O Inferno de Potosí", feita por ela na Bolívia e exibida no Domingo Espetacular, foi finalista do Prêmio Esso de Jornalismo. A reportagem mostrava as condições de trabalho de mineiros nas montanhas de Potosí, consideradas análogas à escravidão.[13]

Referências

  1. Record sai na frente e é a primeira emissora de TV a entrevistar ao vivo Dilma Rousseff R7 (01/11/2010).
  2. Ricardo Feltrin (21/01/2012). Cúpula da Record vai a Londres; Adriana Araújo será âncora dos Jogos F5.
  3. Flávio Ricco (16/02/2012). Adriana Araújo será a nova correspondente da Record em Londres UOL Televisão.
  4. Adriana Araújo será correspondente da Record em Londres NaTelinha (16/02/2012).
  5. Flávio Ricco (06/12/2012). "Domingo Espetacular" ganha mais uma apresentadora UOL Televisão.
  6. Adriana Araújo é efetivada no "Domingo Espetacular" NaTelinha (06/12/2012).
  7. Adriana Araújo assume a bancada do Jornal da Record R7 (20/03/2013).
  8. Flávio Ricco (04/09/2014). Record já tem escala de entrevistas dos presidenciáveis UOL. Visitado em 29/09/2014.
  9. Redação (29/09/2014). íntegra do debate entre os candidatos à Presidência R7. Visitado em 29/09/2014.
  10. Portal Planalto (27/10/2014). Entrevista concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, ao Jornal da Record, da Rede Record de Televisão - Brasília/DF Portal Planalto. Visitado em 25/01/2015.
  11. Exclusivo: Dilma Rousseff dá primeira entrevista após reeleição R7 (27/10/2014). Visitado em 25/02/2015.
  12. Redação (17/11/2013). Adriana Araújo, da Rede Record, dá um show de simpatia em Itabirito Portal Minuto Mais. Visitado em 25/01/2015.
  13. Poder (17/10/2012). Série da Folha sobre queda de Ricardo Teixeira disputa o Prêmio Esso 2012 Folha Online. Visitado em 25/01/2015.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]