Adriano de Paiva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adriano de Paiva
Nacionalidade Portugal Português
Nascimento 1847
Local Braga
Morte 1907 (60 anos)
Local Porto
Alma mater Universidade de Coimbra

Adriano de Paiva (Braga, 1847Porto, 1907) foi um cientista português.

É considerado o precursor do conceito de televisão. Licenciou-se em ciências pela Universidade de Coimbra, onde se doutorou em 1868. Passou a ensinar na Academia Politécnica do Porto, sendo catedrático de Física.

Em Março de 1878, publicou na revista de Coimbra O Instituto o artigo A telefonia, a telegraphia e a telescopia, onde pela primeira vez a nível mundial sugeriu a aplicação do selénio na transmissão de imagens à distância, a moderna televisão. Também se conhece colaboração da sua autoria na revista O pantheon1 (1880-1881).

Foi ainda presidente da Companhia Geral da Agricultura dos Vinhos do Alto Douro, e tornou-se o primeiro conde de Campo Belo.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]