Advecção

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na Advecção a propriedade é transferida devido a um movimento preferencial bem definido. Podem ser citados como exemplos os escoamentos em rios e condutos forçados.

O movimento dos fluidos na advecção é descrito matematicamente como um campo vetorial, e o material transportado é tipicamente descrito como uma concentração escalar da substância, que está contido no fluido.

Advecção é importante para a formação de nuvens orográficas, e também para as precipitações atmosféricas, como parte do ciclo hidrológico.

Em meteorologia e oceanografia física, muitas vezes a advecção se refere ao transporte de algumas parcelas (porções elementares) da atmosfera ou do oceano (portanto, transporte de massa), ou ainda o transporte de variaveis escalares (isto é, variaveis extensivas), tais como a temperatura, umidade do ar, salinidade, densidade, etc.

Advecções meteorológicas ou oceanográficas de grande-escala (sinótica ou planetária) seguem aproximadamente sobre superfícies isentrópicas e, portanto, são predominantemente horizontais.

jonathan[1]

Notas

  1. Simone E. Teleginski Ferraz. Equação de Advecção em Diferenças Finitas (PDF) Universidade de São Paulo (USP). Visitado em 02/10/2008.
Ícone de esboço Este artigo sobre Meteorologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.