Aeroporto de Nome

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aeroporto de Nome
OME-d.jpg
IATA: OME - ICAO: PAOM - FAA: OME
Tipo Público
Administração Alaska DOT&PF - Northern Region
Serve Nome
 Alasca
 Estados Unidos
Localização Não disponível
Inauguração Não disponível


Altitude 11 m (36 ft)
Movimento em 2008 Não disponível 28 000 aeronaves[1]
Capacidade anual Não disponível
Website oficial Não disponível
Pistas
Cabeceiras Comprimento Superfície
3/21 1 700 m (5 577 ft) Asfalto
10/28 1 829 m (6 001 ft) Asfalto

O Aeroporto de Nome (em inglês: Nome Airport) (IATA: OME, ICAO: PAOM, FAA: OME) é um aeroporto público localizado a 3,7 km a oeste do centro de Nome, uma cidade na Região Censitária de Nome do estado americano do Alasca[1] .

Facilidades e Aeronaves[editar | editar código-fonte]

O aeroporto de Nome possui duas pistas pavimentadas com asfalto: 3/21, medindo 1.700 x 46 m e 10/28, medindo 1.829 x 46 m.

No período de 12 meses terminado em 1 de novembro de 2008, o aeroporto teve 28 mil operações, uma média de 76 por dia: 54% de táxi aéreo, 36% de aviação geral, 5% de operações agendadas e 5% de operações militares. Havia 71 aeronaves baseadas neste aeroporto: 72% são monomotores, 17% de multimotores, 7% são helicópteros e 4% são militares.

Estacionamento grátis está disponível nesse aeroporto.

Airport Pizza[editar | editar código-fonte]

No aeroporto há uma pizzaria chamada Airport Pizza. É famosa por usar os voos da Bering Air gratuitamente para entregar pizzas à vilas longínquas do Alasca.[2]

Linhas aéreas e destinos[editar | editar código-fonte]

Voos Charter para a Rússia[editar | editar código-fonte]

  • Bering Air para Anadyr e Provideniya.
  • Alaska Airlines costumava fazer voos charter para Provideniya até 1998.

Uso Militar[editar | editar código-fonte]

O aeroporto de Nome foi usado como uma base de transporte durante a II Guerra Mundial, facilitando o tranporte de aviões Land-Lease para a União Soviética. Conhecido como "Marks Army Airfield", partilhava as instalações com o aeroporto civil de Nome. Ele também foi usado como um campo de aviação de defesa, em 1942 pels Força Aérea dos Estados Unidos da América para a costa ocidental do Alasca.

Renomeado como "Base Aérea de Marks", em 1948, foi usado como uma escola de sobrevivência em tempo frio e uma base interceptadora de caças. Marks estava muito perto da URSS para defender o território de caças-interceptadores, então eles foram puxados de volta ao Aeroporto de Galena. Embora a Base Aérea de Marks tenha sido fechada em 1950, um esquadrão da base aérea estava em aeroporto de Nome até dezembro de 1956.

Referências

  1. a b Airport Master Records and Reports (em inglês). Página visitada em 15/03/2010.
  2. Site oficial do Airport Pizza (em inglês). Página visitada em 15/03/2010.
  3. Bering Air: Destinos a partir de Nome (PDF). Atualizado em 1 de junho de 2009.
  4. Hageland Aviation Services: Voos (PDF). Atualizado em 1 de junho de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]