Aglomerado de partículas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aglomerado revestido com folha de madeira.

O aglomerado de partículas, aglomerado de madeira ou simplesmente aglomerado, é um material derivado da madeira. Este material na atualidade é muito usado no feitio de móveis e artesenatos, substituindo em parte o compensado. Ele não é apropriado para uso em lugares úmidos ou expostos a luz direta do Sol. É composto por particulas de madeira de três diferentes dimensões unidas por resinas especiais fenólocas e prensagem a quente, de forma que a superfície fique mais densa (particulas menores) e o centro da chapa fique menos denso (particulas maiores). Isto contribui para a estabilidade da chapa e uma superficie menos porosa, que poderá receber aplicação de tintas, vernizes, folheados de madeira ou sintéticos. A madeira utilizada pode vir de plantações próprias (reflorestamento) ou restos de madeiras (reciclagem).

As fabricantes de móveis e produtos de madeira costumam trabalhar com 2 tipos de aglomerado[1] , o simples, que é de baixa qualidade e o chamado MDP (Medium Density Particleboard, em inglês) que costuma ser usado para móveis de melhor qualidade[2] .

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.
  1. Diferenças entre MDF, MDP e Aglomerado.
  2. Entenda as diferenças entre MDF e MDP.