Agrafobia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Agrafobia é um distúrbio da personalidade, caracterizado pelo medo e aversão ao abuso sexual (estupro). Essa patologia é mais frequente em mulheres que em homens, e suas causas podem estar relacionadas à eventos ocorridos na infância. É um passo para a Eretofobia, que é o caso mais agudo dessa ramificação das fobias, sendo que em último grau, o indivíduo(a) passa a apresentar indícios de Antropofobia, medo de estar com quaisquer pessoas.

As causas externas para desenvolvimento dessa doença, geralmente estão relacionadas à fase de desenvolvimento e conhecimento dos órgãos sexuais durante a infância, apesar da teoria de que abusos sexuais ocorridos nessa fase, também podem acarretar num trauma localizado e permanente, absorvendo os esforços da personalidade para bloquear quaisquer possibilidades de reincidência do fato.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre fobias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.