Agrofloresta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Agrofloresta em Banfora, Burkina Faso.

Agrofloresta ou Sistema Agroflorestal - SAF é um sistema que reúne as culturas agrícolas com as culturas florestais, resultante da prática de estudo de agrossilvicultura.

Plantações de florestas para suprir as necessidades do homem. Usa a dinâmica de sucessão de espécies da flora nativa para trazer as espécies que agregam benefícios para o terreno assim como produtos para o agricultor.

A agrofloresta recupera antigas técnicas de povos tradicionais de várias partes do mundo, unindo a elas o conhecimento científico acumulado sobre a ecofisiologia das espécies vegetais, e sua interação com a fauna nativa.

Sistemas agroflorestais multiestrato[editar | editar código-fonte]

Os SAFs, como são conhecidos, são a reprodução no espaço e no tempo da sucessão ecológica verificada naturalmente na colonização de áreas novas ou deterioradas. Não é a reconstrução da mata original porque inclui plantas de interesse econômico desde as primeiras fases, permitindo colheitas sucessivas de produtos diferentes ao longo do tempo.

A modelagem de um SAF exige grande conhecimento interdisciplinar sobre solos e sua microfauna e microflora, função ecofisiológica dos organismos que constituem os vários estratos, sucessão ecológica, além de fitossanidade.

Ernst Götsch, um dos pioneiros dos SAF no Brasil, demonstrou através da revegetação de uma área devastada pelo manejo incorreto na zona cacaueira da Bahia, que hoje se tornou uma RPPN, o potencial de sustentabilidade dos SAFs. Seu trabalho pode ser melhor conhecido por meio do Projeto Agenda Gotsch (www.agendagotsch.com) que acompanha a implantação e o manejo de duas áreas, segundo suas técnicas e princípios.

SAFs podem ter funções Ecológicas: como a proteção do solo, da matéria orgânica, ciclagem biogeoquimica melhor, diversidade de espécies. Social: Fixação do Homem no campo Economica: Fluxo de caixa, e diminuindo os riscos da incerteza de mercado

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre ecologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.