Aimé Millet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Apolo entre as musas da Poesia e da Música, Ópera Garnier

Aimé Millet (Paris, 28 de setembro de 1819 - Paris, 14 de janeiro de 1891) foi um escultor da França.

Era filho do miniaturista Frederick Millet e estudou na École des Beaux Arts com David d'Angers e Viollet-le-Duc. Começou a realizar encomendas a partir de 1840. Em 1859 recebeu a Legião de Honra, e em 1870 foi indicado professor na École nationale supérieure des arts décoratifs. Entre seus alunos estavam Louis Majorelle, Berthe Morisot e François Pompon. Das obras que deixou são notáveis o grupo em bronze sobre a Ópera Garnier, em Paris, uma estátua monumental de Vercingetórix, em Alesia, um Mercúrio, uma estátua de François-René de Chateaubriand e seis alegorias dos continentes.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um escultor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.