Aimeleque

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Aimeleque, filho de Aitube,[1] foi Sumo Sacerdote de Israel em c. 975 a.C..[2]

Quando Davi escapou de Saul com ajuda de Jônatas,[3] foi ter com Aimeleque, em Nobe.[4] Este alimentou-o [5] e entregou-lhe a espada de Golias,[6] mas Doegue, o idumeu, servo de Saul, estavá lá, e viu tudo.[7]

Doegue contou a Saul que Aimeleque havia ajudado Davi,[1] e Saul chamou Aimeleque e seus parentes à sua presença,[8] e ordenou a morte de todos os sacerdotes.[9]

Os homens do rei não quiseram cumprir a ordem,[9] então Saul ordenou a Doegue, que matou 85 sacerdotes (literalmente, homens que vestiam o efode de linho),[10] e, em Node, homens, mulheres, meninos e crianças que amamentavam, além de bois, jumentos e ovelhas.[11]

Do massacre, apenas Abiatar, filho de Aimeleque, sobreviveu, e fugiu para Davi.[12]

Referências

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Aimeleque