Aires de Saldanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aires de Saldanha
Aires de Saldanha, 17.º Vice-Rei da Índia
Vice-rei da Índia Flag Portugal (1521).svg
Período de governo 16001605
Antecessor(a) Francisco da Gama, 4.º Conde da Vidigueira
Sucessor(a) Martim Afonso de Castro
Vida
Nascimento 1542
Morte 1605 (63 anos)
perto da Ilha Terceira
Progenitores Mãe: D. Joana de Mendonça
Pai: António de Saldanha

Aires de Saldanha (Santarém, 1542 — perto da Ilha Terceira, 1605) foi um militar português. Foi comendador de Sabacheira.

Foi para a Índia em 1558, com o vice-rei Constantino de Bragança, servindo desta feita por doze anos na região.

Regressou em 1570 à Portugal, onde casou-se com Joana de Albuquerque, logo depois retornou à Índia, desta vez com o vice-rei Rui Lourenço de Távora. Foi nomeado capitão de Malaca[1] , onde mandou construir o forte de Tidor. Regressando a Portugal, foi nomeado governador do Tânger, cargo que exerceu por 9 anos.

Em 1600, foi nomeado 17.º vice-rei da Índia e 34.º governador da Índia. Durante seu vice-reinado, além das dificuldades financeiras, teve de lutar contra os neerlandeses em várias frentes, defendendo Cochim e Goa, além de repelí-los nas Ilhas Molucas. Morreu durante o seu retorno à Portugal, perto da Ilha Terceira, sendo primeiro sepultado em Angra do Heroísmo, depois seu corpo foi transladado para Santarém.

Instituiu o Morgado da Junqueira, na freguesia da Junqueira, em Lisboa[2] .

Dados Genelógicos[editar | editar código-fonte]

Era filho de António de Saldanha, militar e navegador que descobriu a Baía de Saldanha, e de Joana de Mendonça.

Casado com:

Filhos:

Teve bastarda:

Referências

  1. António Carvalho da Costa, Corografia portuguesa, e descripçam topografica do famoso reyno de Portugal: com as noticias das fundações das cidades, villas, & lugares, que contem : varões illustres, genealogias das familias nobres, fundações de conventos, catalogos dos bispos, antiguidades, maravilhas da natureza, edificios, & outras curiosas observaçoes, officina de Valentim da Costa Deslandes, ano de 1712, tomo III pág. 122
  2. António Carvalho da Costa, Corografia portuguesa, e descripçam topografica do famoso reyno de Portugal: com as noticias das fundações das cidades, villas, & lugares, que contem : varões illustres, genealogias das familias nobres, fundações de conventos, catalogos dos bispos, antiguidades, maravilhas da natureza, edificios, & outras curiosas observaçoes, officina de Valentim da Costa Deslandes, ano de 1712, tomo III pág. 122
  3. António Carvalho da Costa, Corografia portuguesa, e descripçam topografica do famoso reyno de Portugal: com as noticias das fundações das cidades, villas, & lugares, que contem : varões illustres, genealogias das familias nobres, fundações de conventos, catalogos dos bispos, antiguidades, maravilhas da natureza, edificios, & outras curiosas observaçoes, officina de Valentim da Costa Deslandes, ano de 1712, tomo III pág. 122
  4. António Carvalho da Costa, Corografia portuguesa, e descripçam topografica do famoso reyno de Portugal: com as noticias das fundações das cidades, villas, & lugares, que contem : varões illustres, genealogias das familias nobres, fundações de conventos, catalogos dos bispos, antiguidades, maravilhas da natureza, edificios, & outras curiosas observaçoes, officina de Valentim da Costa Deslandes, ano de 1712, tomo III pág. 122
  5. Cristovão Alão de Morais, Pedatura lusitana (nobiliário de famílias de Portugal), Livraria Fernando Machado, 1673, p. 382

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Belchior da Franca e Simão Lopes de Mendonça
Capitão de Tânger
17/06/1591 - 24/08/1599
Sucedido por
António Pereira Lopes de Berredo
Precedido por
Francisco da Gama, 4.º Conde da Vidigueira
Vice-Rei da Índia Portuguesa
16001605
Sucedido por
Martim Afonso de Castro