Alótropos de enxofre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Existe um grande número de alótropos de enxofre. Neste aspecto, enxofre só é ultrapassado pelos carbono.[1] A forma mais comum encontrada na natureza é o α-enxofre ortorrômbico amarelo, o qual contém anéis franzidos de S8.[1] Estudantes de química pode ter visto "enxofre plástico"; este não é um alótropo mas uma mistura de formas poliméricas de cadeia longa de enxofre, dois dos quais foram identificados como alótropos.[1] Além desses, existem outras formas sólidas que contêm anéis de enxofre de 6, 7, 9–15, 18 e 20 átomos.[1] Existem também gases, S2, S3; algumas espécies apenas detectadas na fase vapor, S4 and S5 e, talvez, cinco ou mais formas de alta pressão, duas das quais são metálicas.[2]

Referências

  1. a b c d Greenwood, Norman N.; Earnshaw, Alan (1997). Chemistry of the Elements (2nd ed.). Oxford: Butterworth-Heinemann. pp. 645–662. ISBN 0080379419.
  2. In: R. Steudel. Elemental sulfur and sulfur-rich compounds I (Topics in current chemistry). [S.l.]: Springer, 2004. ISBN 3540401911.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.