Alan Taylor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alan Taylor
Taylor em outubro de 2013.
Nascimento 1965 (49 anos)
 Estados Unidos
Ocupação Diretor
Produtor
Roteirista
Cônjuge Nicki Ledermann
Emmy Awards
Melhor Direção em Série Dramática
2007 – The Sopranos
Outros prêmios
Directors Guild of America Award
2008 – Melhor Realização em Direção de Série Dramática – Noite (Mad Men)
Hugo Award
2012 – Melhor Apresentação Dramática, Forma Longa (Game of Thrones)
IMDb: (inglês) (português)

Alan Taylor (1959) é um diretor, produtor e roteirista de televisão e cinema norte-americano. Ele já dirigiu filmes e episódios de várias séries de televisão dos Estados Unidos, mais notavelmente aquelas produzidas pela HBO.

Seus pais são o desenvolvedor de jogos eletrônicos James T. Taylor e a curadora Mimi Cazort; sua irmã é a cantora Anna Domino. Ele atualmente vive em Nova Iorque e no interior da Pensilvânia com sua esposa, a maquiadora Nicki Ledermann. Eles têm três filhos: Ginger, Willa e Jem.

Taylor se juntou a equipe da série Deadwood, da HBO, como diretor em sua primeira temporada em 2004. Ele dirigiu o episódio "Here Was a Man". Ele voltou para a segunda temporada e dirigiu o episódio "Requiem for a Gleet". Taylor dirigiu os episódios pilotos das séries Mad Men e Bored to Death, além de episódios subsequentes de cada uma.[1] Ele também dirigiu seis episódios do seriado Game of Thrones, trabalhando também como co-produtor executivo em sua segunda temporada.[2]

Taylor tem 4 filmes para o cinema em sua filmografia: Palookaville (1995), The Emperor's New Clothes (2001), Kill the Poor (2003) e Thor: The Dark World (2013).

Referências

  1. Alan Taylor. Internet Movie Database. Página visitada em 11 de março de 2012.
  2. Crew. WinterIsComing.net. Página visitada em 11 de março de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.