Aldeia Administrativa (Indonésia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Indonésia
National emblem of Indonesia Garuda Pancasila.svg

Este artigo é parte da série:
Política e governo da
Indonésia



Governo





Outros países · Atlas

Uma aldeia administrativa (em indonésio: kelurahan, desa) é o menor nível da administração pública na Indonésia. Poderia ser uma aldeia ou um kelurahan. Uma aldeia é dirigida por um chefe de aldeia (kepala desa), que é eleito pelo voto popular. Um kelurahan é dirigido por um lurah. Uma aldeia está dividida não-administrativamente nas comunidades locais que gerem certo número de famílias. Em Aceh, uma aldeia é chamada como kampung. Desde a implementação da autonomia regional em 2001, a maior nagari foi introduzido no lugar do desa como a menor unidade do governo em Sumatra Ocidental.[1]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Franz and Keebet von Benda-Beckmann, "Recentralização e Descentralização na Sumatra Ocidental," em Holtzappel e Ramstedt (eds.), Descentralização e Autonomia Regional na Indonésia: Implementação e Desafios, Cingapura e Leiden, 2009, pp. 233ff. at 302. Ardimas Sasdi, "Sumatra Ocidental reinventa suas raízes originais," The Jakarta Post, 25 January 2008.
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Indonésia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.