Alexander Matrosov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Foto de Alexander Matrosov

Alexander Matveyevich Matrosov (Александр Матвеевич Матросов) (1924-1943) foi um famoso soldado soviético de infantaria, durante a Grande Guerra Patriótica.

Em 23 de fevereiro de 1943, na batalha pelo vilarejo de Chernushki, perto de Pskov, Matrosov se lançou em frente de uma metralhadora alemã, bloqueando-a com seu próprio corpo, para permitir o avanço de sua unidade. Por seu sacrifício em batalha, Matrosov foi premiado após sua morte, com a medalha Herói da União Soviética.

Alexander Matrosov rapidamente tornou-se uma lenda na União Soviética, mas o passado do soldado continua disputado. Oficialmente ele nasceu em Dnepropetrovsk. Passou sua juventude em orfanatos e internatos, alistou-se em Setembro de 1942 e começou seu treinamento em uma academia militar perto de Orenburg. Em janeiro de 1943 ele foi enviado à guerra com a 91ª Brigada Voluntária Naval do Pacífico, onde ele cumpriu seu ato heróico. De acordo com outra versão, o nome real de Matrosov era Shakir'yan Yunusovich Mukhamed'yanov, e ele mudou seu nome para russo, assim evitando discriminações étnicas no orfanato. Às vezes, o ato de Matrosov é contestado, assim como os atos de outros 300 soldados soviéticos que se jogaram em frente de metralhadoras alemãs durante a guerra. A propaganda soviética contribuiu para a construção do mito, e nos país da antiga União Soviética, o ato de Alexander Matrosov continua a ser bem conhecido e um poderoso símbolo de auto-sacrifício e desespero que caracterizaram a Grande Guerra Patriótica.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alexander Matrosov