Alfonso Cano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alfonso Cano

Guillermo León Sáenz Vargas, vulgo Alfonso Cano (Bogotá, 22 de julho de 1948 - Cauca, 4 de novembro de 2011) foi um guerrilheiro e comandante das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia. Antropólogo, foi considerado o ideólogo das FARC.

Assumiu o comando após a morte de Manuel Marulanda Vélez em 26 de março de 2008[1] e foi morto por tropas do Exército colombiano em novembro de 2011.[2] Em seu lugar assumiu Timoleón Jiménez‎‎.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]