Allene Ray

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Allene Ray
Nome completo Allene Ray Burch
Outros nomes Allie Ray
Nascimento 2 de janeiro de 1901
San Antonio, Texas, EUA
Nacionalidade Estados Unidos Norte-americana
Morte 5 de maio de 1979 (78 anos)
Temple City, Califórnia, EUA
Ocupação Atriz
Cônjuge William L. "Larry" Wheeler
IMDb: (inglês) (português)

Allene Ray (San Antonio, Texas, 2 de janeiro de 1901[1]Temple City, Califórnia, 5 de maio de 1979), cujo verdadeiro nome era Allene Ray Burch, foi uma atriz estadunidense da era do cinema mudo. Participou de vários seriados produzidos pela Pathé na era muda, ao lado de seu parceiro de filmagens Walter Miller. Quando surgiu o cinema sonoro, continuou a atuar por algum tempo, depois sua carreira entrou em declínio.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Allene nasceu em San Antonio, Texas, filha de Willie Ray Mullins e John Breckenridge Burch[2] . Mudou-se para Hollywood após vencer um concurso de cinema em 1920. Em 1919, um produtor que visitava San Antonio conheceu-a e insistiu para que ela participasse de um filme que ele estava produzindo. Depois do resultado obtido, seus amigos a incentivaram a participar de um concurso realizado por uma revistas de cinema da época. Ray foi a vencedora em um grupo de candidatas selecionadas de todo o país.

Seus primeiros créditos no cinema foram Honeymoon Ranch[3] (1920), West of the Rio Grande[4] (1921) e Partners of the Sunset[5] (1922). Este último foi feito para a Lubin Corporation. Apesar de ser loura, ao fazer The Fortieth Door[6] (1924), Ray decidiu usar uma peruca morena, pois o filme contava sobre uma heroína egípcia. O seriado foi feito pela Pathé.

Em 21 de julho de 1926[7] , Allene casou com William L. "Larry" Wheeler [8] [9] e foram morar em Temple City, na Califórnia. Wheeler morreu em 06/20/1958[10] .

Allene era tímida, quieta, introvertida[11] e sem muita familiaridade com seus colegas de trabalho, mas ironicamente, era extremamente ágil e sua capacidade atlética natural, mediante o fato de ter sido criada em um rancho no Texas, levou-a muitas vezes a recusar o uso de dublês, e ela própria realizava suas cenas. A Pathé a associou ao ator Walter Miller, num esforço bem sucedido que resultou em oito seriados juntos. Após 1929, Ray mudou-se para a Universal Studios.

Sua carreira no cinema continuou ainda um tempo após o início do cinema sonoro, com atuações em The Indians Are Coming (1930), Westward Bound[12] (1930) e The Phantom[13] (1931). Ray desempenhou o papel de uma passageira clandestina em Gun Cargo[14] (1949), seu último filme.

Ela morreu de câncer em 1979, aos 78 anos, em Temple City, Califórnia.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Filme Data Observações
Crossed Trails 1917 curta-metragem
The Wildcatter 1919
The Trail's End 1919 curta-metragem
Squatter's Right 1919 curta-metragem
A Modern Lochinvar 1919
Ramon, the Sailmaker 1920
Honeymoon Ranch 1920 Personagem: Blue Bonnet
On the High Card 1921
West of the Rio Grande 1921 Personagem: Eileen Nawn
Partners of the Sunset 1922 Personagem: Patricia Moreland
Your Friend and Mine 1923 Personagem: Marie Mertens
Times Have Changed 1923 Personagem: Irene Laird
The Way of a Man 1924 Personagem: Ellen Meriwether. Seriado.
The Fortieth Door 1924 Personagem: Aimee. Seriado.
Ten Scars Make a Man 1924 Personagem: Jean Morell. Seriado.
Galloping Hoofs 1924 Personagem: Carole Page. Seriado.
Trails End 1925 Personagem: Dorothy Simmons (creditada Allie Ray)
Sunken Silver 1925 Personagem: Claire Standish. Seriado.
Play Ball (I) 1925 Personagem: Doris Sutton. Seriado.
The Green Archer 1925 Personagem: Valerie Howett. Seriado.
Snowed In 1926 Personagem: Shirley Kane. Seriado.
The House Without a Key 1926 Personagem: Carry Egan. Seriado.
Melting Millions 1927 Personagem: Judy Winslow
Hawk of the Hills 1927 Personagem: Mary. Seriado.
The Man Without a Face 1928 Seriado.
The Yellow Cameo 1928 Personagem: Kay Cottrell. Seriado.
The Terrible People 1928 Personagem: Nora Sanders. Seriado.
Hawk of the Hills 1929 Reedição do seriado de 1927, em 58 minutos.
The Black Book 1929 Personagem: Dora Drake. Último seriado silencioso.
Overland Bound 1929 Personagem: Mary Winters
The Indians Are Coming 1930 Personagem: Mary Woods. Seriado.
Westward Bound 1930 Personagem: Marge Holt
The Phantom 1931 Personagem: Ruth Hampton
Gun Cargo 1949 Personagem: Helen, passageira clandestina

Referências bilbiográficas[editar | editar código-fonte]

  • Los Angeles Times, "New Sparkler Comes To Coast", August 27, 1922, page II37.
  • Los Angeles Times, "Blonde Brunette Tresses Puzzle for Allene Ray", July 20, 1924, page B40.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Há informações, sem comprovação, de que tenha nascido não em 1901, mas em 1895, em Devine, no Texas. In: Ancestry Acessado em 11-11-1912.
  2. Archive.org
  3. Honeymoon Ranch no IMDB
  4. West of the Rio Grande (1921) no IMDB
  5. Partners of the Sunset (1922) no IMDB
  6. The Fortieth Door (1924) no IMDB
  7. ebooksread
  8. GenForum
  9. Algumas fontes citam o nome do marido de Allene como Larry Walker. Não há comprovação.
  10. Há informações controversas, sem comprovação, de que ela tenha se casado, anteriormente, com George Wiley Stroud (1893-1928), e com ele tenha tido dois filhos – um deles George Burch Stroud (1912-1971) – e pode ter se divorciado em 1916. Tais informações só seriam possíveis se ela tivesse nascido, portanto, em 1895, e não em 1901, como consta da maioria de suas biografias. Há necessidade de comprovação para tais dados. In: FamilyTree
  11. MATTOS, A. C. Gomes de. Seriados Mudos Americanos. In: Histórias de Cinema. Acessado em 08-10-2012.
  12. Westward Bound (1930) no IMDB
  13. The Phantom (1931) no IMDB
  14. Gun Cargo no IMDB

Ligações externas[editar | editar código-fonte]