Alnön

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Alnön
Alnön.png
Geografia física
País  Suécia
Localização Golfo de Bótnia
Área 65  km²
Geografia humana
População 8 298 (2009)

Alnön é uma ilha do Golfo de Bótnia, Mar Báltico, vizinha à cidade de Sundsvall, na província histórica de Medelpad, Suécia. Com 8 000 habitantes e uma área de 65 km²,[1] é uma ilha de origem vulcânica, com formações geológicas raras, datada de 570 milhões de anos.

A ilha é ligada à terra firme pela ponte Alnöbron, de 1 042 m de comprimento. Na época de sua inauguração, em 1964, Alnöbron era a maior ponte da Suécia.

Geologia[editar | editar código-fonte]

Alnön foi formada há cerca de 570 milhões de anos, provavelmente a partir de erupção vulcânica. Trata-se de uma das poucas áreas vulcânicas alcalinas no mundo, possuindo um solo rico em cal e com uma composição química incomum, tendo minerais como barita e egirina.

Contudo, a rocha mais famosa de Alnön é a alnoita, um lamprófiro composto principalmente por biotita ou flogopita com melilita, comumente misturado a olivina, calcita e piroxena. Além disso, também se pode encontrar diamantes na ilha, mas apenas em quantidades muito pequenas.

Alnöbron, a ponte que conecta Alnön à terra firme, era a maior ponte sueca em 1964, quando foi inaugurada.

Principais localidades[editar | editar código-fonte]

A maior parte das construções de Alnön concentra-se ao longo do estreito, próximo à ponte ou no centro de Alnö, cuja população era de 4997 habitantes em 2010. Outras vilas são Ankarsvik (944 hab.), Gustavsberg (254), Hartungviken (235), Hovid (225), Hörningsholm (166) e Röde och Båräng (193 habitantes).

Fontes[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fakta Alno.nu.com.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]