Ambrogio Traversari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Santo Ambrósio Traversari, O.S.B. Cam.
Busto de Ambrósio na Igreja de Santa Maria degli Angeli, em Florença.
Prior Geral da Ordem dos Camaldulenses
Nascimento 19 de Setembro de 1386 em Portico di Romagna, Forlì, Estados Papais (atualmente na Itália)
Morte 20 de novembro de 1439 em Florença, República de Florença (atualmente na Itália)
Veneração por Igreja Católica
Festa litúrgica 20 de novembro
Polêmicas União das Igrejas
Gloriole.svg Portal dos Santos

Ambrogio Traversari, O.S.B. Cam., também Ambrósio, dito Camaldulense (em latim: Ambrosius Traversarius; em italiano: Ambrogio Camalduli) foi um presbítero, teólogo e humanista italiano, prior geral dos camaldulenses. Considerado santo pelos camaldulenses.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Traversari nasceu perto de Forlì, na vila de Portico di Romagna. Na idade de quatorze anos, entrou para a Ordem dos camaldulenses, no mosteiro de Santa Maria degli Angeli, em Florença, e rapidamente se tornou um importante teólogo e helenista. Em literatura grega seu mestre foi Manuel Crisolaras. Tornou-se prior geral da Ordem em 1431, e foi um dos principais defensores da primazia papal.

Essa atitude Traversari mostrou claramente quando participou do Concílio da Basileia como legado do Papa Eugênio IV, e defendeu a primazia do Pontífice romano e rogou ao concílio para que não "dividissem o manto imaculado de Cristo".

Foi em seguida enviado pelo papa para pedir a Sigismundo, Sacro Imperador Romano-Germânico, sua ajuda para que o pontífice conseguisse encerrar este concílio, que há cinco anos tinha uma postura anti-papal. O papa transferiu o concílio da Basileia para Ferrara em 18 de setembro de 1437. Neste concílio, e mais tarde, no de Florença, Traversari, por seus esforços e caridade para com alguns bispos pobres gregos, muito contribuiu para a união das duas Igrejas, resultando na Bula de União da Igreja Católica com a Igreja Ortodoxa Grega, de 6 de junho de 1439, que ele ajudou a elaborar. Morreu logo após.

Obras[editar | editar código-fonte]

Suas obras são um tratado sobre a Santa Eucaristia, um sobre a processão do Espírito Santo, muitas vidas de santos, uma história de seu generalato dos camaldulenses. Traduziu também do grego para o latim a vida de Crisóstomo (Veneza, 1533); a Sabedoria Espiritual de João Mosco; A Escada da Divina Ascensão de João Clímaco (Veneza, 1531), P.G., LXXXVIII.

Entre 1424 e 1433 trabalhou na tradução das Vidas e Opiniões de Filósofos Eminentes de Diógenes Laércio, que circulou amplamente em forma de manuscrito e foi publicado em Roma, em 1472 (a primeira edição impressa das Vidas; o texto grego foi impresso somente em 1533).

Traversari traduziu também quatro livros contra a doutrina grega ortodoxa, de Manuel Kalekas, um monge dominicano grego (Ingolstadt, 1608), P.G., CLII, col. 13-661, uma obra conhecida apenas através da tradução de Traversari. Traduziu também muitas homilias de São João Crisóstomo; o tratado do Pseudo-Dionísio, o Areopagita, sobre a hierarquia celeste; o tratado de São Basílio sobre a virgindade; trinta e nove discursos de Santo Efrém da Síria, e muitas outras obras de pais e escritores da Igreja grega. As Cartas e Orações de Santo Ambrósio de Camáldoli, de Dom Mabillon, foram publicadas em Florença, em 1759.

Trabalhos selecionados[editar | editar código-fonte]

Alguns de seus manuscritos permanecem na biblioteca de São Marcos, em Veneza.

Notas e referências

  • Este artigo incorpora texto da Encyclopædia Britannica (11ª edição), publicação em domínio público.
  • Wikisource-logo.svg  "Ambrose the Camaldulian". Encyclopædia Britannica (11th). (1911). 
  • Charles L. Stinger. Humanism and the Church Fathers: Ambrogio Traversari (1386-1439) and Christian Antiquity in the Italian Renaissance. [S.l.: s.n.], 1977).
  • Georgia Clarke. (setembro de 1997). "Ambrogio Traversari: Artistic Adviser in Early Fifteenth-Century Florence?". Renaissance Studies 11: 161. DOI:10.1111/j.1477-4658.1997.tb00018.x.
  • D. F. Lackner. (Leiden, 2002). "The Camaldolese Academy: Ambrogio Traversari, Marsilio Ficino & the Christian Platonic Tradition". Marsilio Ficino: His Theology, His Philosophy, His Legacy, ed. Michael J.B. Allen & Valery Rees, with Martin Davies.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ambrogio Traversari