Amitriptilina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Amitriptilina
Alerta sobre risco à saúde
Amitriptyline.svg Amitriptyline-from-picrate-xtal-3D-balls.png
Tryptanol.jpg
Nome IUPAC 3-(10,11-diidro-5H-dibenzo''a'',''d'' ciclohepteno-5-ilideno)-N, N-dimetil-1-propanamina
Identificadores
Número CAS 50-48-6
PubChem 2160
DrugBank APRD00227
ChemSpider 2075
Código ATC N06AA09
Propriedades
Fórmula química C20H23N
Massa molar 277.4 g mol-1
Farmacologia
Biodisponibilidade 30–60%
Via(s) de administração oral
Metabolismo hepático
Meia-vida biológica 10 a 50h (média de 15h)
Ligação plasmática > 90%
Excreção renal
Riscos associados
Frases R R23/24/25, R36/37/38, R42/43, R63
Frases S S22, S26, S36/37/39, S45
Compostos relacionados
Compostos relacionados Imipramina
Nortriptilina
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

A amitriptilina é um antidepressivo tricíclico portanto da classe dos mais conhecidos medicamentos antidepressivos.

Sua principal finalidade é o tratamento da depressão e pode demorar de duas a quatro semanas para começar a fazer efeito, enquanto os efeitos colaterais surgem muito rapidamente.

Embora numa fase inicial do tratamento se verifique sedação, pode levar de uma a seis semanas até que seja atingido o efeito desejado. Além de antidepressivo, a amitriptilina atua também como bloqueador dos ataques de pânico (Transtorno do Pânico) e Transtorno de Ansiedade Generalizada.

Reações adversas[editar | editar código-fonte]

  • Secura da boca, o que propicia o aparecimento de cáries: para contornar o problema a pessoa deve tomar pequenos e constantes goles de água e evitar comer açúcar.
  • Obstipação (prisão de ventre) que deve ser regulado com enriquecimento de fibras na dieta e não com laxantes.
  • Tonturas, zumbidos ou dores de cabeça, sedação ou mesmo prostração.
  • Ganho de peso rápido e aumento do apetite.
  • Taquicardia e crises hipertensivas.
  • Diminuição da libido.
  • Facilita o surgimento de crises convulsivas em pessoas com epilepsia.
  • Problemas de visão.
  • Sensação de cansaço e/ou fraqueza muscular.
  • Dormência da língua.
  • Movimentos involuntários dos músculos.
  • Sudorese excessiva
  • Inquietação

Contra-indicações[editar | editar código-fonte]

Pode estar desaconselhada no caso de doença cardíaca, historial de ataque cardíaco ou convulsões. No caso de pacientes com diabetes, a amitriptilina pode reduzir os níveis de açúcar no sangue, bem como pode agravar outros problemas de saúde como o hipertiroidismo, o glaucoma ou os problemas em urinar. [1]

Nomes comerciais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências