Amora (Seixal)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
 Portugal Amora  
—  Freguesia  —
Moinho da Passagem, moinho de maré
Moinho da Passagem, moinho de maré
Brasão de armas de Amora
Brasão de armas
Amora está localizado em: Portugal Continental
Amora
Localização de Amora em Portugal
38° 37' N 9° 07' O
País  Portugal
Concelho SXL1.png Seixal
 - Tipo Junta de freguesia
Área
 - Total 27,31 km²
População (2011)
 - Total 48 629
    • Densidade 1 780,6/km2 
Gentílico: Amorense
Código postal 2845-125 Amora
Orago Nossa Senhora do Monte Sião
Correio electrónico jfamora@jf-amora.pt
Sítio http://www.jf-amora.pt

Amora é uma cidade e freguesia portuguesa do concelho do Seixal e distrito de Setúbal, com 27,31 km² de área e 48 629 habitantes (2011). Densidade: 1 780,6 hab/km².[1]

Amora é uma povoação bastante antiga, já referenciada em 1384, na Crónica de D.João I, a obra do cronista Fernão Lopes. O escriba do rei refere-se a Amora quando localiza as galés do Mestre de Avis, que se encontravam abrigadas no braço do rio Tejo, que fica entre o Seixal, Arrentela e Amora.

Data deste período o aparecimento do primeiro núcleo populacional desta zona, situado em Cheira Ventos, na zona hoje conhecida como Talaminho.

A freguesia foi elevada a vila a 30 de Junho de 1989 e a cidade em 20 de Maio de 1993.

Festas[editar | editar código-fonte]

As festas em honra de Nossa Senhora do Monte Sião, em que seu momento alto no dia 15 de Agosto com a procissão e com a bênção das embarcações e do rio.

História[editar | editar código-fonte]

A história da Amora começa no tempo em que o Seixal se formou, no tempo dos Romanos, onde se faziam trocas entre as duas povoações, sendo uma povoação mercante, após as invasões árabes em 790, Amora era uma zona de Quintas com vastas hortas, principalmente com vinhas e amoreiras (provavelmente originou o nome "Amora"), no qual se mantiveram até ao fim da construção da Ponte 25 de Abril em 1966, conservando nas actuais ruas, o seu antigo nome. Aquando do foral do Seixal, em 1836 pela rainha D. Maria II, a localidade de Corroios sempre fez parte da Freguesia da Amora até se tornar Vila em 1993, tornando-se uma Freguesia independente da Amora, partilhando traços comuns com Almada e Amora. A família real vinha a dois sítios comuns, o palácio do Príncipe D. Augusto, filho de D. Maria II, que se localiza perto da Quinta da Princesa, no local da Quinta original, do séc. XVIII, local onde el-Rei D. Carlos caçava. Mais recentemente, no século XX, ocorreu uma urbanização rápida, com vinda de gente algarvia e alentejana após 1966, tal como Almada, após o 25 de Abril, vieram muitos retornados, africanos e colonizadores, onde se instalaram perto do Parque das Paivas, "Pulmão Verde" da Amora. Após a queda do Comunismo em 1990, vieram vários imigrantes da Europa de Leste, nomeadamente ucranianos e russos. Existem várias etnias, destacando brasileiros, Guineenses, angolanos, ciganos, cabo-verdianos, indianos e moçambicanos de origem indiana, chineses, além dos imigrantes de Leste;

Demografia[editar | editar código-fonte]

População da Freguesia da Amora (1852 – 2011)
1839 1864 1900 1940 1950 2001 2011
1.024 1.119 2.075 3.707 4.948 50.991 48.629

Localização e características[editar | editar código-fonte]

A Freguesia de Amora goza de uma situação geográfica mais ou menos. Possui uma grande área que é banhada por dois braços do rio Tejo (um que termina a Nordeste, em Almada e o outro a Sul, na Torre da Marinha) e que, portanto, facilita o contacto com o exterior, por via fluvia. Por via terrestre foi sempre um ponto de passagem importante entre Cacilhas e o Sul (Azeitão, Setúbal e Sesimbra), funcionando como parte do corredor que liga a capital ao Sul do País.

A Freguesia de Amora pertence ao Concelho do Seixal. É limitada a Norte pela enseada do rio Tejo, a Oeste pela Freguesia de Corroios, a Sul pelo Concelho de Sesimbra e a Este pela enseada do Tejo, rio Judeu e Freguesia de Arrentela.

As localidades que constituem[2] a freguesia da Amora são :

Património[editar | editar código-fonte]

  • Moinho da Passagem[3]
  • Moinho da Torre
  • Moinho do Capitão[4]
  • Moinho do Galvão[5]
  • Coreto
  • Casa da família Carvalho
  • Quinta da Princesa e Infanta
  • Antigas fábricas de vidro e garrafões
  • A zona ribeirinha e todo o casario operário, aqui edificado no século XIX e XX
  • Igreja de Nossa Senhora do Monte Sião

Escolas e Jardins de Infância[editar | editar código-fonte]

Amora tem diversas escolas do primeiro ciclo do ensino básico, bem como as escolas dos segundo e terceiro ciclos e ainda as Escolas Secundárias, e elas são:

  • EB1 Amora
  • EB1 Quinta das Inglesinhas
  • EB1 Infante D. Augusto
  • EB1 Quinta da Medideira
  • EB1 Quinta da Princesa
  • EB1 Paivas
  • EB1 Cruz de Pau
  • EB1 Foros de Amora
  • EB1 Quinta das Sementes
  • EB1 Fogueteiro
  • EB1 Quinta de Santo António
  • EB1 Quinta do Conde de Portalegre
  • Jardim de Infância da Quinta das Sementes
  • Jardim de Infância Infante D. Augusto
  • Jardim de Infância da Quinta da Medideira
  • Jardim de Infância da Quinta das Inglesinhas
  • Jardim de Infância da Quinta da Princesa
  • Jardim de Infância do Fogueteiro
  • Jardim de Infância da Quinta de Stº. António
  • Jardim de Infância do Conde de Portalegre
  • Jardim de Infância dos Foros de Amora
  • Escola Básica 2/3 Ciclos Pedro Eanes Lobato
  • Escola Básica 2/3 Ciclos da Cruz de Pau
  • Escola do 2/3 Ciclos Paulo Gama
  • Escola Secundária de Amora
  • Escola Secundária Manuel Cargaleiro

Colectividades e Associações[editar | editar código-fonte]

  • Amora Futebol Clube, fundado em 1921
  • Associação Naval Amorense
  • Assoc. Desportiva Cultural Azinhaga das Paivas
  • Artes- Associação Cultural do Seixal
  • Associação Humanitária de Bombeiros Mistos de Amora
  • Associação Veteranos Amora Futebol Clube
  • Associação de Reformados Idosos da Freguesia de Amora
  • Associação de Reformados Pensionistas e Idosos do Fogueteiro
  • Associação Unitária Reformados Pensionistas e Idosos de Amora
  • Criar-T
  • Clube de Canoagem de Amora
  • Clube de Ténis de Mesa da Amora
  • Clube Desportivo Rec. Águias Unidas
  • Clube Desportivo Recreativo do Fogueteiro
  • Clube Recreativo da Cruz de Pau
  • Centro Cultural Desportivo das Paivas
  • Clube Desportivo Asas do Milénium
  • Dojo Ipon CADEQ
  • Grupo Rec. Cultural “Cariocas Futebol Clube"
  • Grupo Desportivo Correr D’Àgua
  • Grupo Desportivo Cult.Rec.Qtª.Princesa
  • Mensageiro da Poesia
  • Moto Clube do Seixal
  • Moto Clube "Os Lusitanos"
  • Núcleo Naturais e Amigos da Vila de Cabeço de Vide
  • Sociedade Filarmónica Operária Amorense, fundado em 1901
  • Lubatos Voley
  • Clube de Atletismos de Amora
  • Clube ADC Fenix

Saúde[editar | editar código-fonte]

Centos de saúde - (Estado)

  • Centro de saúde de Amora
  • Extensão de saúde Largo do Rosinha
  • Centro de saúde da Cruz de Pau

Saúde privada

  • No sector privado, existe uma ampla oferta de empresas, que prestam cuidados de saúde.

Farmácias

  • A freguesia de Amora tem 9 (nove) farmácias. Estas farmácias efectuam serviços permanentes.

A informação de saúde acima referida, tem por fonte a Janela da Saúde.


Referências

  1. Censos 2011. INE. Página visitada em 5 de fevereiro de {{{acessoano}}}.
  2. Conforme Sistema de Informação Geográfica da Câmara Municipal do Seixal
  3. Moinho da Passagem no WikiMapia
  4. Moinho do Capitão no WikiMapia
  5. Moinho do Galvão no WikiMapia

Ligações externas[editar | editar código-fonte]