Amora Futebol Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Amora
Nome Amora Futebol Clube
Fundação 1 de maio de 1921 (93 anos)
Estádio Estádio da Medideira
Capacidade 5.000 Pessoas
Localização Amora
Presidente Portugal José Mendes
Treinador Portugal Pedro Amora
Patrocinador Topdrive, Restaurante ´´O Cristino``
Material esportivo Macron
Competição Campeonato Nacional de Futebol
Divisão 1ª Divisão Distrital da AF Setúbal
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
editar

O Amora Futebol Clube é um clube português, localizado na freguesia e cidade de Amora, concelho do Seixal, distrito de Setúbal.

Futebol[editar | editar código-fonte]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Nº Presenças Títulos
Temporadas na 1ª 3
Temporadas na 2ª 2
Temporadas na 2ªB 23
Temporadas na 3ª 27
Taça de Portugal 0
Taça da Liga 0

Classificações[editar | editar código-fonte]

Escalão 03/04 04/05 05/06 06/07 07/08 08/09 09/10 10/11 11/12
Liga Zon Sagres - - - - - - - - -
Liga Orangina - - - - - - - -
II Divisão B - - - - - - - - -
III Divisão - - - - - - - - -
1º Escalão Dist. - - - - - - -
2º Escalão Dist. - - - - - - - - -

História[editar | editar código-fonte]

O clube foi fundado a 1 de Maio de 1921 e os seus fundadores foram Mário de Carvalho, Guilherme Pestana, João Baptista, Julião Garcia, Tomás Alves, António Soares, Joaquim Monteiro, Oswaldo Reuter, Guilherme Reuter , Joaquim Zacarias, Leopoldo Grilo, Carlos de Azeitão, António Policia , Álvaro dos Santos, Jacinto Caixeiro, Alberto Malacato, Tomás da Cachamouca e António Manta.O pior jogador da Amora foi o Bruno Tavares escalão de iniciados atrás também estavam João Silva e Tiago Matos.

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato
1º. Presidente João Batista Cunha 1921/1922
2º. Presidente António Nunes Tiago 1939/1940
3º. Presidente Teodomiro Costa 1944/1945
4º. Presidente Efigénio Aires de Sousa 1945/1946
5º. Presidente António Soares Pacheco 1948/1949
6º. Presidente Joaquim Lizardo 1949/1950
7º. Presidente Joaquim Galha dos Santos 1952/1953
8º. Presidente Joaquim Galha dos Santos 1953/1954
9º. Presidente Joaquim Pinheiro 1957/1958
10º. Presidente Efigénio Aires de Sousa 1958/1959
11º. Presidente Joaquim Pinto Malta 1959/1960
12º. Presidente Felismino Galha dos Santos 1960/1961
13º. Presidente Manuel Batista de Oliveira 1961/1962
14º. Presidente Dr. Joaquim Mendes Gargaleiro 1963/1964
15º. Presidente Cesário Gomes Henriques 1964/1965
16º. Presidente Manuel Batista de Oliveira 1965/1966
17º. Presidente Fernando Afonso de Almeida Rocha 1967/1968
18º. Presidente Guilherme Octávio Costa Almeida 1968/1969
19º. Presidente Sebastião Pinheiro 1969/1970
20º. Presidente Joaquim Pinheiro 1970/1971
21º. Presidente Manuel do Nascimento 1971/1972
22º. Presidente Sebastião Pinheiro 1972/1973
23º. Presidente Diamantino Rodrigues Barros 1973/1974
24º. Presidente José Augusto Guerreiro 1974/1975
25º. Presidente Rui da Conceição 1975/1976
26º. Presidente Alfredo Correia da Silva 1976/1977
27º. Presidente Mário Rui da Silva Ribeiro 1976/1977 a 1978/1979
28º. Presidente Durives Pereira 1979/1980 a 1980/1981
29º. Presidente Fernando Martinho Paixão Santos 1981/1982 a 1984/1985
30º. Presidente Mário Rui da Silva Ribeiro 1985/1986 a 1995/1996
31º. Presidente Manuel Guerreiro Gonçalves 1996/1997 a 1998/1999
32º. Presidente José Manuel Vicente Moreira Mendes 1999/2000 a 2012/2013
33º. Presidente Carlos Henriques 2013 até aos dias de hoje

Palmarés[editar | editar código-fonte]

Actualidade[editar | editar código-fonte]

A crise abateu-se sobre este clube, como em quase em todos do distrito de Setúbal (crise económica e desemprego em meados da década de 1980). A equipa de seniores participa actualmente no Campeonato da 1ª Divisão da Associação de Futebol de Setúbal e tem enfrentado inúmeras dificuldades, nomeadamente ao nível das infrastruturas e dos salários em atraso. Apesar disso, na época de 2010/11, foi contratado um novo treinador, a poucos jogos do fim do campeonato, treinador que salvou o Amora FC da descida de divisão, e na corrente época o Amora FC esta a tentar subir de divisão, e com bastante suceso, na comparação com as épocas passadas.

Estádio[editar | editar código-fonte]

A equipa disputa os seus jogos no Estádio da Medideira, que tem uma lotação de 5000 pessoas. O estádio já teve maior capacidade, mas um dos topos foi-lhe sonegada uma bancada e o peão está encerrado, pelo que restam cerca de 5000 lugares no total

Marca do equipamento e patrocínio[editar | editar código-fonte]

A equipa utiliza equipamento da marca Givova e tem o patrocínio da cadeia de hipermecados E.Leclerc.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um clube de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.