Amphicoelias fragillimus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Como ler uma caixa taxonómicaAmphicoelias fragillimus
Ocorrência: Jurássico superior
Amphicoelias 1892 Dahlgren.jpg

Estado de conservação
Extinta (fóssil)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Superordem: Dinosauria
Ordem: Saurischia
Subordem: Sauropodomorpha
Família: Diplodocidae
Género: Amphicoelias

Amphicoelias fragillimus pode ter sido o maior dinossauro alguma vez descoberto, superando outros grandes dinossauros como o argentinossauro, bruhathkayossauro, sauroposeidon e seismossauro. Se existiu verdadeiramente, terá sido o maior vertebrado de sempre por uma longa margem, rivalizando em termos de massa corporal com a baleia azul. No entanto, a única evidência fóssil que comprovava a sua existência perdeu-se, restando actualmente a sua descrição em desenho. Por este facto, algumas dúvidas têm sido levantadas quanto à sua real existência.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]