Amused to Death

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Emblem-scales.svg
A neutralidade desse artigo (ou seção) foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão. (desde dezembro de 2009)
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.

Amused to Death é um álbum de originais de Roger Waters, considerado por muitos um álbum bem forte,[carece de fontes?] reforçando sua visão pessoal: Visão essa pessimista sobre o comportamento humano, a alienação, a rotina massacrante e a brutalização do homem provocada pelas doses de violência que lhe são despejadas incessantemente na TV.

Com a participação ilustre de Jeff Beck, que faz as guitarras em "The Ballad of Bill Hubbard", "What god wants parts 1, 2 & 3" e também Don Henley dos Eagles que fez um dueto com Waters em "Watching TV".

Após a sua edição, este foi desprezado pela maior parte da crítica musical pop americana e adorado por outros, principalmente fans dos Pink Floyd (banda da qual Waters era vocalista). É considerado por muitos curiosos do Rock progressivo como um dos melhores Álbuns conceptuais de sempre.[carece de fontes?]

  • Ano de lançamento: 1992

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. The Ballad Of Bill Hubbard
  2. What God Wants, Part I
  3. Perfect Sense, Part I
  4. Perfect Sense, Part II
  5. The Bravery Of Being Out Of Range
  6. Late Home Tonight, Part I
  7. Late Home Tonight, Part II
  8. Too Much Hope
  9. What God Wants, Part II
  10. What God Wants, Part III
  11. Watching TV
  12. Three Wishes
  13. It's a Miracle
  14. Amused to death
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Roger Waters é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.