Análise de Bollinger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um exemplo de uma análide de Bollinger num período de dez dias e com a largura de duas vezes o desvio padrão.

Análise de Bollinger (também conhecida como Bandas de Bollinger) é uma análise técnica inventada por John Bollinger na década de 1980. A análise é usada para medir a flutuação do preço da ação em relação aos preços anteriores.

A Análise de Bollinger tem 3 partes:

  • a banda do meio por período-N de média móvel simples
  • a banda superior por K vezes o período-N desvio padrão acima da banda do meio
  • a banda inferior por K vezes o período-N desvio padrão abaixo da banda do meio

Valores típicos para N e K são 20 e 2, respectivamente. Outros tipos de médias também podem ser usados para a banda do meio, mas normalmente a mesma média é usada para calcular a banda do meio e os desvios padrões.

Objetivo[editar | editar código-fonte]

O objetivo da Análise de Bollinger é para demonstrar uma definição relativa de altos e baixos do ativo. Quando o preço está próximo da banda superior quer dizer que o preço está alto, e vice-versa. Esta análise permite chegar a decisões sistemáticas de compra e venda de ações.[1]

Referências

  1. Título ainda não informado (favor adicionar).second paragraph, coluna central

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.