Anarquismo pós-esquerdismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Anarquia pós-esquerdismo ou Anarquismo pós-esquerdista, ou ainda Pós-esquerdismo é o nome de uma corrente anarquista crítica que problematiza a relação do anarquismo com a esquerda tradicional. Alguns pós-esquerdistas buscam formas de escapar do confinamento das ideologias em geral. Anarquia pós-esquerdismo é marcada pelo foco na insurreição social e a rejeição das formas de organização social vinculadas aos movimentos de esquerda.[1] Esta corrente se desenvolveu rapidamente desde a queda da União Soviética, que resultou no declínio do socialismo autoritário.

Proponentes e difusores[editar | editar código-fonte]

Grupos e iniciativas individuais associadas ao anarquismo pós-esquerdismo incluem CrimethInc, Jason McQuinn, Hakim Bey, Bob Black, e as revistas Anarchy: A Journal of Desire Armed, Green Anarchy e Fifth Estate. As idéias associadas a anarquia pós-esquerda foram criticadas por outros anarquistas, notavalmente por Murray Bookchin, na polêmica, Social Anarchism Or Lifestyle Anarchism: An Unbridgeable Chasm, atacando esta corrente recente do pensamento anarquista. Bob Black por sua vez escreveu um livro em resposta aos argumentos de Bookchin chamado Anarquia após o Esquerdismo.

Relacionamento com outras tendências dentro do anarquismo[editar | editar código-fonte]

O anarquismo pós-esquerdista tem sido crítico de algumas escolas clássicas do anarquismo como as do Plataformismo[2] e a do anarcossindicalismo.[3] Existe uma certa relação estreita existente entre o anarquismo pós-esquerdista e o anarcoprimitivismo, anarco-individualista [4] [5] e anarquismo insurrecionário. Não obstante os anarquistas pós-esquerda Wolfi Landstreicher[6] e Jason McQuinn[7] se distanciaram e criticaram o anarco-primitivismo como "ideológica".

Referências

  1. Macphee, Josh (2007). Realizing the Impossible. Stirling: AK Press. ISBN 1-904859-32-1.
  2. Wooden Shoes or Platform Shoes?: On the “Organizational Platform of the Libertarian Communists” by Bob Black
  3. "The Bourgeois Roots of Anarcho Syndicalism" por Feral Faun
  4. "Social Anarchism or Lifestyle Anarchism: An Unbridgeable Chasm" por Murray Bookchin
  5. "What is Ideology?" por Jason McQuinn
  6. "The Network of Domination" por Wolfi Landstreicher
  7. "Why I am not a Primitivist" por Jason McQuinn

Ver também[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Anarquismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]