Andamão e Nicobar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Localização do território de Andamão e Nicobar.

Andamão e Nicobar (ou Andamã e Nicobar)[1] é um território federal indiano. Localiza-se na extremidade leste do Golfo de Bengala, estabelecendo o limite deste com o Mar de Andamão. Está separado de Myanmar pelo Canal do Coco, a norte, e da Indonésia pelo Grande Canal, a sul; a Índia continental fica mais distante, a noroeste (Estado de Andhra Pradesh). É constituído por dois grupos de ilhas, que formam um único arco mas que estão separadas pelo Canal dos Dez Graus: as ilhas Andamão e as ilhas Nicobar. A capital, Port Blair, fica em Andamão.

Contam com uma superfície de 8 249 km² e 356 152 habitantes (censo de 2001).

A vegetação natural é a floresta tropical. Cultivam-se cocos, borracha, palmeira indiana, arroz, legumes e café. Criação de gado bovino e caprino. Nas Ilhas Andamão, os aborígenes são negritos, enquanto nas de Nicobar têm origem mongólica.

As Ilhas Nicobar foram ocupadas pela Dinamarca em 1756 e, entre 1778 e 1783, os austríacos tentaram ali fundar uma colônia. Em 1858, os dinamarqueses cederam as ilhas Nicobar formalmente à Inglaterra.

Notas e referências

  1. As formas Andamão e Andamã estão registradas para a língua portuguesa no dicionário Houaiss e no dicionário Aurélio, respectivamente. O Dicionário Onomástico Etimológico de J. P. Machado registra ambas, mas parece preferir Andamã. Todas as fontes citadas registram Nicobar.
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Índia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.