Andorinhão-mongol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAndorinhão-mongol
White-throated Needletail 09.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Apodiformes
Família: Apodidae
Género: Hirundapus
Espécie: H. caudacutus
Nome binomial
Hirundapus caudacutus
(Latham, 1802)
Distribuição geográfica
     Verão      Residente      Inverno
     Verão      Residente      Inverno

O andorinhão-mongol (Hirundapus caudacutus) é uma espécie de ave apodiforme da familia Apodidae.

Características[editar | editar código-fonte]

É um dos andorinhões de maior tamanho. Passa a maior parte de sua vida voando. É o mais veloz dos andorinhões e chega a alcançar os 350 km/h. É a ave que maior velocidade alcança em vôo horizontal, chegando aos 170 km/h, seguido do Merganso-de-poupa que chega aos 160 Km/h.

História natural[editar | editar código-fonte]

Estas aves tem as patas muito curtas, dado que somente as usam para agarrar-se a superfícies geralmente inclinadas e verticais. Constroem seus ninhos nas fendas e ocos que formam as rochas das falésias. Alimentam-se durante o voo pegando insetos com seus bicos.

Fazem ninhos nas colinas rochosas de Ásia Central e no sul da Sibéria. É uma ave migratória que passa o inverno no sul da Austrália. Raramente se encontra na Europa, embora tenha sido avistada ocasionalmente na Noruega, Suécia e Grã Bretanha.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]