Andrónico de Rodes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde fevereiro de 2008). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia

Andrónico de Rodes (fl. c. 60 a.C.) foi um filósofo grego, o décimo primeiro dos discípulos peripatéticos e último escolarca do Liceu .

A principal contribuição foi a organização dos escritos de Aristóteles e de Teofrasto, a partir do material a ele fornecido por Tirânio1 . Antes dele, os diálogos de Aristóteles eram largamente conhecidos, mas os tratados tinham sido perdidos na obscuridade. Além de organizar os trabalhos, tudo indica que também escreveu paráfrases e comentários, que se perderam. Duas obras foram-lhe erroneamente atribuídas - o Tratado sobre as Emoções e um comentário à Ética de Aristóteles.

Referências

  1. Andronicus of Rhodes, artigo em inglês sobre o filósofo na Encyclopædia Britannica (edição de 1911).
Ícone de esboço Este artigo sobre filosofia / um filósofo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.