Andrea Dandolo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brasão de Andrea Dandolo

Andrea Dandolo (1306 - 1354) foi o 54.º doge de Veneza. Eleito em 1343, sucedeu a Bartolomeo Gradenigo, que morreu ao final de 1342.

Andrea Dandolo estudou na Universidade de Pádua, onde foi professor de direito até ser eleito doge. Era amigo de Francesco Petrarca. Aos 25 anos foi designado procurador da Basílica de São Marcos.

Durante seu reinado, Veneza passou por uma desastrosa guerra contra os húngaros após a sétima revolta de Zadar contra a República de Veneza. Aliada dos húngaros, Gênova criou uma poderosa frota naval que partiu para o Mar Adriático sob o comando de Paganino Doria, que devastou os territórios de Veneza e ameaçou a própria cidade. Veneza foi salva pela grande vitória naval de Lojera em 1353.

Veneza sofreu um violento sismo em 25 de janeiro de 1348, que causou depois condições para um grande surto de praga. Entre 1348 e 1350 um terço da população morreu.

Foi o último doge a ser enterrado na Basílica de São Marcos.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Bartolomeo Granedigo
Doge de Veneza (54.º)
1343 - 1354
Sucedido por
Marino Faliero


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Andrea Dandolo