Lista de escritores portugueses e suas obras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Esta é uma lista de escritores portugueses nascidos antes do Séc. XX

Nome Apelido Data n-f Obras
Dom Diniz Portugal 1261-1325 Cancioneiro)138 canções compiladas nos cancioneiros
Fernão Lopes 1378-1459 Crónica de D. João I
Crónica de El-Rei D. Fernando
Crónica de El-Rei D. Pedro
Pero Vaz de Caminha 1450-1500 A Carta
Carta do Mestre João
Relação do Piloto Autônomo
Gil Vicente 1465-1536 Auto da Alma
Auto da Barca da Glória
Auto da Barca do Inferno (1516)
Auto da barca do Purgatório (1518)


Auto da Barca da Glória (1519)
Auto da Fé
Auto da Feira
Auto da India
Auto da Lusitânia[Tragicomédia Pastoril da Serra da Estrela]
Auto de Mofina Mendes
Auto Pastoril Castelhano
Auto Pastoril Português
Comédia do Viúvo
D. Duardos
Farsa ou Auto de Ines Pereira (1523)
Floresta de Enganos
Juiz da Beira
O Monólogo do Vaqueiro (ou Auto da Visitação)
Quem tem Farelos
Trilogia das Barcas
O Velho da Horta

Garcia de Resende 1470-1536 Cancioneiro Geral -Editor de Cancioneiro Geral de Garcia Resende
Vida e Feitos del Rei D. João II
Crónica de D.João II (1545)
Miscelânea e Variedade de Histórias (1554)
Trovas à morte de D. Inês de Castro
Francisco Sá de Miranda 1481-1558 Vilhalpandos (1560)
Bernardim Ribeiro 1482-1552 Menina e Moça
Damião de Góis 1502-1574 Legatio Magni Indorum Imperatoris Presbyteri Ioannis ... (1532)
Fernão Mendes Pinto 1509-1583 Peregrinação
Manuel da Nóbrega 1517-1570 Cartas
Luís de Camões 1524-1580 Os Lusíadas
Auto dos Anfitriões
Auto do Filodemo
Canções e Elegias
Cartas
El-Rei Seleuco
Redondilhas
Rimas
Sonetos
António Ferreira 1528-1569 História de Santa Comba dos Valles
tragédia, A CastroTragédia de Inês de Castro
Frei Luis de Sousa 1555-1632 Navigatio Antartica ad Doctorem Franciscum Guidum, civem Panamensem

Vida de Don Frei Bartolomeu dos Mártires (1619)
Anais de el-Rei D. João III (escrito em 1628, apenas publicado em 1844)
Vida de Sóror Margarida do Sacramento
Considerações das Lágrimas Que a Virgem N. Senhora Derramou na Sagrada Paixão(1643)
Vida do Beato Henrique Suso da Ordem dos Pregadores traduzida de latim em português (1642)

Francisco Manuel de Melo 1608-1666 Fidalgo Aprendiz (Farsa)
Padre António Vieira 1608-1697 Sermão de santo antónio aos peixes
Cartas (3 vols.)
História do Futuro
Sermões (1679 – 1748)
Sermão I - Maria Rosa Mística
Sermão II - Maria Rosa Mística
Sermão III - Maria Rosa Mística
Sermão pelo Bom Sucesso das armas de Portugal contra as de Holanda
Sermão dos Bons Anos
Sermão da Sexagésima
Sermão da Quinta Dominga da Quaresma
Frei António das Chagas 1631-1682 Sermões Genuínos
Cartas Espirituais
António José da Silva 1705-1793 Vida do grande D. Quixote de la Mancha e do gordo Sancho Pança (1733)
Esopaida ou Vida de Esopo (1734)
Os Encantos de Medeia (1735)
Anfitrião ou Júpiter e Alcmena (1736)
Labirinto de Creta (1736)
As Variedades de Proteu (1737)
Guerras do Alecrim e da Manjerona (1737)
Precipício de Faetonte (1738)
Manuel Maria Barbosa du Bocage 1765-1805 Rimas
Os Amores (Poemas Escolhidos)
Os Dois Gatos
Os Dois Burros e o Mono
Parnaso Bocagiano (Coleção Integral e não expurgada das Poesias Eróticas Burlescas e Satíricas)
Rimas
Sonetos e Outros Poemas
A Virtude Laureada (Última obra publicada em vida do autor)
Almeida Garret 1799-1854 Folhas Caídas
O Alfageme de Santarém
O Arco de Sant'ana
Um Auto de Gil Vicente
Camões
Catão
Dona Branca
Frei Luís de Sousa
Helena
Lírica de João Mínimo
Portugal na Balança da Europa
O Retrato de Vênus
Viagens na Minha Terra
António Feliciano de Castilho 1800-1875 Cartas de Eco e Narciso
Amor e Melancolia, Coimbra
A Noite do Castelo e Ciúmes do Bardo
Escavações Poéticas
Quadros Históricos de Portugal
Felicidade pela Agricultura
Tratado de Versificação Portuguesa
Alexandre Herculano 1810-1877 Arras por Foro de Espanha
O Bispo Negro
O Bobo
A Dama Pé de Cabra
Eurico, o Presbítero
A Harpa do Crente
História das Origens e Estabelecimento da Inquisição em Portugal (3 vols.)
História de Portugal (4 vols.)
Lendas Narrativas
O Monge de Cister
A Morte do Lidador
Poesias
A graça
Antologia da Poesia Portuguesa
Camilo Castelo-Branco 1825-1890 Anátema (1851)
Mistérios de Lisboa (1854)
A Filha do Arcediago (1854)
Livro negro de Padre Dinis (1855)
A Neta do Arcediago (1856)
Onde Está a Felicidade? (1856)
Um Homem de Brios (1856)
Lágrimas Abençoadas (1857)
Cenas da Foz (1857)
Carlota Ângela (1858)
Vingança (1858)
O Que Fazem Mulheres (1858)
O Morgado de Fafe em Lisboa (Teatro, 1861)
Doze Casamentos Felizes (1861)
O Romance de um Homem Rico (1861)
As Três Irmãs (1862)
Amor de Perdição (1862)
Memórias do Cárcere (1862)
Coisas Espantosas (1862)
Coração, Cabeça e Estômago (1862)
Estrelas Funestas (1862)
Anos de Prosa (1863)
Aventuras de Basílio Fernandes Enxertado (1863)
O Bem e o Mal (1863)
Estrelas Propícias (1863)
Memórias de Guilherme do Amaral (1863)
Agulha em Palheiro (1863)
Amor de Salvação (1864)
A Filha do Doutor Negro (1864)
Vinte Horas de Liteira (1864)
O Esqueleto (1865)
A Sereia (1865)
A Enjeitada (1866)
O Judeu (1866)
O Olho de Vidro (1866)
A Queda dum Anjo (1866)
O Santo da Montanha (1866)
A Bruxa de Monte Córdova (1867)
A doida do Candal (1867)
Os Mistérios de Fafe (1868)
O Retrato de Ricardina (1868)
Os Brilhantes do Brasileiro (1869)
A Mulher Fatal (1870)
O Regicida (1874)
A Filha do Regicida (1875)
A Caveira da Mártir (1876)
Novelas do Minho (1875-1877)
Eusébio Macário (1879)
A Corja (1880)
A Brasileira de Prazins (1882)
A Infanta Capelista (1872)
Latino Coelho 1825-1891 História Política e Militar de Portugal
Luís de Camões
Vasco da Gama
Marquês de Pombal
Soares de Passos 1826-1860 Poesias (1856)
João de Deus 1830-1896 Cartilha Maternal
Ramalho Ortigão 1836-1915 D. Carlos o Martirizado (1908)- Últimas Farpas (1914) - Carta de um Velho a um Novo (1914)
Júlio Dinis 1839-1871 Uma Família Inglesa (1868)
Os Fidalgos da Casa Mourisca
A Morgadinha dos Canaviais (1868)
Poesias
As Pupilas do Senhor Reitor (1867)
Um Rei Popular
Um Segredo de Família
Serões da Província (1867) -Contos
Antero de Quental 1842-1891 Odes Modernas
Antologia
Primaveras Românticas
Raios de Extinta Luz
Sonetos
Evolução»
Oliveira Martins 1845-1894 História da Civilização Ibérica; História de Portugal
Eça de Queirós 1845-1900 O mistério da estrada de Sintra (1870)
O Crime do Padre Amaro (1875)
O Primo Basílio (1878)
O mandarim (1880)
A relíquia (1887)
Os Maias (1888)
Uma campanha alegre (1890-91)
Correspondência de Fradique Mendes (1900)
A Ilustre Casa de Ramires (1900)
A cidade e as serras (1901, Póstumo)
Contos (1902, Póstumo)
A Aia (1894)
O tesouro (1893)
Prosas bárbaras (1903, Póstumo)
Cartas de Inglaterra (1905, Póstumo)
Ecos de Paris (1905, Póstumo)
Cartas familiares e bilhetes de Paris (1907, Póstumo)
Notas contemporâneas (1909, Póstumo)
Últimas páginas (1912, Póstumo)
A capital (1925, Póstumo)
O conde de Abranhos (1925, Póstumo)
Alves & Companhia (1925, Póstumo)
Correspondência (1925, Póstumo)
O Egipto (1926, Póstumo)
Cartas inéditas de Fradique Mendes (1929, Póstumo)
Eça de Queirós entre os seus - Cartas íntimas (1949, Póstumo)
A tragédia da rua das flores
As minas de Salomão
Adão e Eva no paraíso
Gomes Leal 1848-1921 Risadas», Antologia Poética, Lisboa,
Guerra Junqueiro 1850-1923 A Morte de D. João
A Musa em Férias
A Velhice do Padre Eterno
Poesias Dispersas
Os Simples
Pátria
Oração ao Pão
Oração à Luz
Horas de Luta
Adoração
Antologia da Poesia Portuguesa – Vol. II, Introdução, selecção e notas de Alexandre Pinheiro Torres, Porto, Lello & Irmão Editores, 1977
Wenceslau de Moraes 1854-1929 Traços do Extremo Oriente – Sião, China e Japão (Lisboa, 1895), Dai-Nippon (Lisboa, 1897), Serões no Japão (Lisboa, 1905)
Fialho de Almeida 1857-1911 Contos
A Cidade do Vício
Lisboa Galante
O País das Uvas
Os Gatos
Pasquinadas
Vida Irónica
A Esquina
Barbear e Pentear
Estâncias de Arte e de Saudade
Aves Migradoras
Figuras de Destaque
Actores e Autores
Vida Errante
Cesário Verde 1855-1886 Arrojos», O Livro de Cesário Verde, Lisboa, Editorial Minerva, s/d
Manuel Teixeira Gomes 1860-1941 Gente Singular
Trindade Coelho 1861-1908 Os Meus Amores (1891)
A ABC do Povo (1901)
A Minha Candidatura por Mogadouro (1901)
Cartilha do Povo (1901)
In Illo Tempore 1902
António Nobre 1867-1900
  • , Léon Vanier Editeur, Paris, 1892;
  • Despedidas (1895 - 1899), Porto, 1902; 
  • Primeiros versos (1882-1889), Porto, 1921;
  • Cartas Inéditas de António Nobre, 1934;
  • Cartas e Bilhetes Postais a Justino Montalvão, 1956;
  • Correspondência, Lisboa, 1967;
  • Correpondência II, Lisboa, 1969;
  • Alicerces, seguido de Livro de Apontamentos (leitura, prefácio e notas de Mário Cláudio), Imprensa Nacional Casa da Moeda, Lisboa, 1983.
  • Correspondência com Cândida Ramos (leitura, prefácio e notas de Mário Cláudio), Biblioteca Pública Municipal do Porto, Porto, 1982.
Camilo Pessanha 1867-1926 Clepsidra; «Paisagens do Inverno – I», Clepsidra, Coimbra, A Mar Arte, 1994
Raul Brandão 1867-1930
  • Impressões e Paisagens (1890);
  • História de um Palhaço (1896);
  • O Padre (1901);
  • A Farsa (1903);
  • Os Pobres (1906) (eBook);
  • El-Rei Junot (1912);
  • A Conspiração de 1817 (1914);
  • Húmus (1917) (eBook);
  • Memórias (vol. I), (1919) (eBook);
  • Teatro (1923);
  • O gebo e a sombra (1923);
  • Os Pescadores (1923);
  • Memórias (vol. II), (1925);
  • As Ilhas Desconhecidas (1926);
  • A Morte do Palhaço e o Mistério das Árvores (1926);
  • Jesus Cristo em Lisboa, em colaboração com Teixeira de Pascoaes, (1927);
  • O Avejão (1929) (teatro);
  • Portugal Pequenino, em colaboração com Maria Angelina Brandão, (1930);
  • O Pobre de Pedir (1931);
  • Vale de Josafat (vol. III das Memórias), (1933).
Angelo de Lima 1872-1921 Para-me de repente o pensamento]», Poesia, Lisboa, Assírio & Alvim, 1996
Augusto Gil 1873-1929 Cantigas», Versos, Lisboa, Portugália, 1956
Teixeira de Pascoaes 1877-1952 Marânus; «Elegia do amor», Para a Luz. Vida Etérea. Elegias. O Doido e a Morte, Lisboa, Assírio & Alvim, 1999
António Patrício 1878-1930 Pedro o Cru
António Corrêa d’Oliveira 1878-1960 Palavras leva-as o vento», Redondilhas, Porto, Livraria Figueirinhas, 1948
Alfredo Cortês 1880-1946 Gladiadores
António Sérgio 1883-1969 Ensaios
Afonso Duarte 1884-1958 Ossadas
Aquilino Ribeiro 1885-1963 Terras do Demo
Ricardo Reis 1887-1936 Odes», Poesia, Lisboa, Assírio & Alvim, 2000 .
Fernando Pessoa 1888-1935 Mensagem, Lisboa, Assírio & Alvim, 1997
Bernardo Soares 1888-1935 Livro do Desassossego
Alberto Caeiro 1889-1915 Poemas; «O Guardador de Rebanhos - XXIV», Poesia, Lisboa, Assírio & Alvim, 2001
Edmundo Bettencourt 1889-1973 Canção», ‘Ligação’, Poemas de Edmundo Bettencourt, Lisboa, Assírio & Alvim, 1999
Mário de Sá Carneiro 1890-1916 Poesias
Céu em Fogo
A Estranha Morte do Professor Antena
O Fixador de Instantes
A Confissão de Lúcio
Dispersão
O Homem dos Sonhos
Loucura... e o Incesto
Mistério, Asas
Alvaro de Campos 1890-1935 Poesias; «Escrito num navio abandonado em viagem», Poesia, Lisboa, Assírio & Alvim, 2002
Irene Lisboa 1892-1958 Solidão
José de Almada Negreiros Negreiros 1893-1970 O que hoje aprendi para dizer-me]», Poemas, Lisboa, Assírio & Alvim, 2001
Almada Negreiros 1893-1970 Nome de Guerra
Florbela Espanca 1894-1930 Charneca em Flor
Livro de Mágoas
Livro de Sóror Saudade
Mensageira das Violetas
Reliquiae
Trocando Olhares
Sonetos, Lisboa, Bertrand Editora, 1982
António Botto 1897-1959 Canções; «[É difícil na vida achar alguém]», ‘Os Sonetos’, As Canções de António Botto, Lisboa, Livraria Bertrand, 14.ª ed., s/d.
Ferreira de Castro 1898-1974 A Selva
A Lã e a Neve
João de Araújo Correia 1899-1985 Contos Bárbaros

Predefinição:Anexo:Lista de escritores portugueses nascidos após 1900